Resenha #173 - Enquanto Houver Amor Haverá Esperança - Sarah Kilimanjaro

Olá a todos!!! Tudo bem com vocês? Espero que sim.
Livro cedido pela Editora

Título: Enquanto houver amor haverá esperança
Psicografado por: Sarah Kilimanjaro
Pelo espírito: Vinícius
Editora: Petit
Páginas: 304
Classificação: 3.0

Erika com apenas cinco anos de idade sofre um acidente de carro que compromete suas pernas. Ela não poderá andar por algum tempo, só a fisioterapia somado a força e perseverança de seus pais e principalmente a sua é que eles poderão reverter esse quadro.

O livro mostra que tudo pelo qual passamos tem um motivo pré-definido e que somos responsáveis por aprender e a superar os obstáculos que a vida nos dá. E o caso de Erika mostra bem isso!

"Erika tinha decidido na colônia espiritual, durante seu planejamento reencarnatório, se envolver em um acidente na tenra idade [...] teria também uma pequena lesão na coluna, para, com isso, fortalecer sua programação, que tinha como objetivo reforçar a sua determinação em atender crianças portadoras de deficiência física e saldar antigos débitos."

Uma vida repleta de vaidade, dinheiro, fama e corridas, mas de repente... Nada! Tudo acabou... Maurício não pode mais dirigir, participar das corridas que o deixaram famoso... Apesar da fama e do dinheiro, nada ele pode fazer para voltar no tempo e impedir que aquele acidente que acabou com seu futuro viesse a acontecer.

Sua vaidade foi corroída pela angústia e dor, mesmo sendo rico, o dinheiro não foi capaz de devolver o movimento de suas pernas. E isso só o tornou uma pessoa ainda pior, irritado, desgostoso com a vida, agora só vive se lamuriando pelos cantos e atacando com ódio àqueles que o amam. Após ser expulso de algumas clínicas por suas grosserias e ataques verbais as pessoas que tentavam lhe ajudar, Mauricio vai para uma clinica que além da fisioterapia tem outros tratamentos alternativos, mas ele já chega sem esperança, sem vida e amor no coração, pois tudo foi tomado pelo ódio e indignação perante as dificuldades impostas.

Essa frase não é do livro, mas resume muito bem a história de Maurício
Após muita dedicação na clínica na qual era voluntária, um paciente chega e a desestabiliza completamente, ela não sabe por que, mas ele mexe profundamente com ela. Contudo, ele é um jovem que já desistiu de viver e não está pronto para todo o amor que ela pode proporcionar, na cura a sua dor que ela pode lhe trazer. Isso faz com que Erika pense muito se um dia ela poderá amá-lo como deseja e se eles têm alguma chance de ser feliz. Acontece que Erika é uma lutadora e ela não vai desistir assim tão fácil do homem que ama.

Lições de vida acompanham a leitura a todo o momento, se você conhece alguém que desistiu de viver, de ser feliz devido a algum infortúnio que a vida lhe trouxe, esse é um bom livro para começar a escalada para fora do fundo do poço. Não se engane, esse não é um livro que tentará te converter a qualquer religião ou te colocar contra as demais. É muito comum isso acontecer em algumas obras, mas não é esse o objetivo desse livro e você verá...

Esse livro foi um pouco difícil de engatar, pois sou acostumada a ler literatura espírita e por ele explicar os fundamentos principais do espiritismo acabou sendo um pouquinho maçante. Entretanto, se você nunca se aventurou em alguma leitura voltada para o espiritismo esse é um ótimo livro. Pois ele mostra a filosofia do espiritismo sem lhe impor uma religião, mas sim mostrando que é uma escolha de como viver, de como enxergar as coisas que estão a sua volta, ou seja, o objetivo do livro é mostrar um estilo de vida que pode ser adotado por todas as religiões:

Amar ... Fazer o bem ... Perdoar ... Ajudar ... Aproximar as pessoas ... Ouvir ... Sentir ... Escolher ... Abrir o coração para a vida ... Agradecer o que se tem ao invés de se lamuriar pelo que não tem!

"— Se não possuímos asas de anjo para voar, ora, ora, usemos asa-delta, que é a mesma coisa, pois o que nós queremos é voar, não é? Então aproveitemos a nova invenção."
 Envolve um pouco de religião? Sim, mas está mais para um esclarecimento da filosofia espírita do que para um livro de religião. O que acontece muito é as pessoas terem preconceito com palavras que envolvem o espiritismo, mas uma pessoa espiritualizada (pessoa que está em harmonia com o ser divino independentemente da religião) é diferente da pessoa espírita (que segue a religião espiritismo).

A capa é linda e a primeira página de cada capítulo tem um desenho de flores que deixou o livro um aspecto de algo leve. A diagramação está boa, assim como a fonte de tamanho médio. O livro é dividido em 51 capítulos com uma média de 5 páginas por capítulo.


Esse casal da capa ficou super bacana....
Recomendo para quem goste de: romance, lições de vida, superação e espiritismo.

Não recomendo para quem: não goste de histórias psicografadas, romances espríritas e qualquer assunto que lembre minimamente auto ajuda.

Pessoal, gostaram? Deixem seus comentários, se já leram esse livro e o que acharam dele, etc.



18 comentários

  1. Oi Ninah!

    Em breve terá resenha no LdE deste livro tbm, mas não serei eu a lê-lo, apesar de gostar muito do gênero, estou tão lotada de livros de parceria, que acabei passando-o para a Graça.
    Gostei da sua resenha, com certeza vou querer lê-lo mais para frente!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da sua resenha mas me encaixo no grupo de quem você não recomendaria hahahaha
    A capa está linda mesmo
    Beijos
    http://balaiodebabados.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii, olha eu gostei demais da sua resenha, gostei da estória e tudo mais só que como vc já apontou que quem não goste de histórias psicografadas, romances espríritas e qualquer assunto que lembre minimamente auto ajuda. Acho meio dificil eu ler, pois sou dessas, rs.
    Mais seu trabalho e otimo, sempre estou por aqui conferindo. continue assim. Parabéns.

    Beijos
    http://booksandcarpediem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Ninah, linda, tudo bem minha flor??
    A Resenha ficou ótima como sempre viu... apesar de eu não curtir muito esse tipo de leitura, achei super válido todos os pontos que você levantou e disse que o livro não se prende só a religião e nem força o leitor com isso... não devo negar o trabalho de arte da capa... a editora sempre arrasa... Xero!

    ResponderExcluir
  5. Oi Ninah! Ainda não li, mas já li um livro espírita há muito tempo e a historia foi bem intensa. Quando você começou a falar da história, eu me lembrei de Como eu era antes de você. Lembra um pouco? Eu não li esse tbm mas ja ouvi bastante sobre ele, inclusive um spoiler horrivel rs. Eu gosto muito de livros com histórias de fé, superação e amor. Tenho certeza que esse é lindo também. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Olá Ninah tudo bem, eu tenho hábito de ler livros espíritas, e como vc disse eu tbm acho maçante todas as explicações, exemplo eu tenho conhecimentos então passo batido nessas partes, porém o que mais gosto nesses livros é a história de superação e auto-conhecimento. Da possibilidade das pessoas reverem seus erros e buscar evoluir. Adorei a resenha bem sucinta.
    Bjs
    www.livrosajaneladaimaginacao.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ola Ninha eu li o livro e adorei, gostei muito das superação do mocinho, ele aprendeu muito com suas dificuldades, a protagonista é uma ser de luz iluminada. A capa está linda. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu li esse livro, mas confesso que não gostei tanto. A leitura não fluiu tão bem, os personagens não me cativaram e isso dificultou a leitura.
    Mas acho que funciona bem para outras pessoas e é ótimo para quem quer iniciar nesse gênero.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. OOOiii!!

    Ninah, eu não sou fã de romances espiritas então infelizmente essa obra não me chama atenção. Gostei que mesmo sendo maçante no inicio, foi uma leitura proveitosa <3
    Essas mensagens que os livros nos trazem quando positiva são ótimas para nos fazer pensar na vida né?

    Ótima resenha!

    Beijinhos,
    entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  10. Oi
    O livro parece legal, mas eu não curto muito livros psicografados. Apesar que só li um na minha vida e não gostei. De repente fiquei traumatizada. Acaba que não dou chance para outros livros, o que pode ser um erro. Quem sabe em outro momento.

    bju

    ResponderExcluir
  11. Oi, Ninah! Gostei bastante da sua resenha sobre esse livro, pois foi bem explicativa sobre o obra e o que o leitor podera encontrar na história sem receber spoilers. Eu achava que esse livro era um puro romance e até vi algo de "Como eu Era Antes de Você" lendo a sinopse e tal. Acho interessante envolver algo religioso mas sem ser "pesado" ou com o intuito de "converter" o leitor. Caso tenha uma oportunidade vou ler esse livro.

    Beijos.
    Blog Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  12. Oi Ninah, li apenas dois livros espíritas em toda a minha vida e compreendo o que você quer dizer sobre ser uma doutrina que pode se encaixar em qualquer religião independente das crença, contudo não é um tipo de leitura que me agrade e eu prefiro evitar.

    ResponderExcluir
  13. Oi Ninah! Eu li esse livro, mas acabei me decepcionando um pouquinho... achei o Maurício tão insuportável que não consegui me envolver com a história. Mas ele transmite belas lições, e por isso a leitura valeu a pena. Amo livros espíritas e concordo que esse apresenta bem a doutrina, mas sem tentar converter as pessoas. Afinal, as coisas que você citou (como amar, fazer o bem, perdoar) estão presentes em todas as religiões.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  14. Oi Ninah, sua linda, tudo bem
    Eu só fiquei imaginando, não precisava nem ter sofrido o acidente, mesmo com a saúde intacta, pense em uma pessoa que teve tudo e vive de forma irresponsável, ou não, e um dia perde tudo. Até a pessoa entender, aceitar e tentar dar a volta por cima, recomeçar, sendo uma pessoa melhor, diferente, aprendendo com o que a vida está lhe dando, é difícil. Deve ser uma bela lição de vida. A capa ficou linda!!!!! Sua resenha está ótima, seu texto está tão sensível, muito bonito, gostei.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oie Ninah!!!
    primeiramente, gosto muito de livros que tem algo para nos ensinar e também acredito que tudo que passamos na vida tem um motivo para ter acontecido. ainda não li nenhum livro espirita, mas me interesso pelo assunto.
    talvez eu comece com esse ;)
    bjs

    ResponderExcluir
  16. Ninah, terei que deixar essa leitura de lado. Sou exatamente o tipo de pessoa quem você não recomenda essa leitura hahaha. Já percebi que não era pra mim logo nas primeiras páginas, você só confirmou. E ao contrario de você, não curti muito a capa =/

    Beiijos, Andressa
    Mais que Livros | Curtindo a Vida a Dois

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    estou bem curiosa para ler esse livro desde o lançamento. Pelas resenhas que vi, ele realmente passa uma mensagem bonita.
    Eu também tenho o hábito de ler romances espíritas, e concordo que as partes conceituais se tornam cansativas com o tempo.
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oláá
    Já ouvi falar do livro mas não é algo que chame minha atenção, não curto muito o gênero, mesmo assim, sua resenha está ótima ;)

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!