Resenha #154 - Visões Noturnas - Maurício Caldeira

Olá Pessoal, tudo bem com vocês? Espero que sim!


Título:  Visões Noturnas
Autor: Maurício Caldeira
Editora: Novos Talentos da Literatura Brasileira - Novo Século
Páginas: 368
Classificação: 3.0

Essa resenha não contém spoilers.

O medo é um dos sentimentos mais básicos dos seres vivos. Todos já nascem com ele. Faz parte do instinto natural da sobrevivência. Se não o tivéssemos, morreríamos facilmente. O medo nos impõe barreiras; maiores para alguns, menores para outros. Mas ele sempre está lá. Basta, muitas vezes, que você o acorde.
Visões Noturnas é uma coletânea de 12 histórias de terror que não tem como base apenas seres fantásticos, mas também o medo do cotidiano e da capacidade do ser humano de pensar e de fazer o mal.

Este é o meu objetivo: assustar. Mas em um sentindo mais amplo. É fazer com que o leitor, antes de apagar a última luz da casa na hora de dormir, não tenha coragem de olhar para trás. Ou, se olhar, o faça com desconfiança. Com medo.

Foi com essas palavras, que na introdução, já fiquei com medo, na verdade, eu sou muito medrosa (apesar de não odiar terror) e só de pensar em ler esse livro comecei a ficar com calafrios.  Creio que o autor conseguiu cumprir com o seu objetivo comigo, entretanto não da forma exata como ele queria. Pois seus contos me marcaram, mas não pelo terror em si.  Não fiquei tão passada de mede como imaginei que ficaria, para ser franca, quase não fiquei... O medo é muito particular de cada um, as histórias que mais me deixaram aterrorizada podem significar nada para ti e o inverso é verdadeiro. Você precisa saber o que lhe dá medo! 

Algumas histórias tinham mais presente o suspense e o terror como:
Royal Street Flash - quatro amigos, uma aposta, um cemitério e muito sangue derramado, esse é o cenário que você encontrará e na minha humilde opinião, esse é o melhor conto do livro, o autor cria um clímax surpreendente;
Como uma pedra - cuidado! lembre-se de respirar de vez em quando, pois Cássio está devendo para um agiota e chegou a hora do tudo ou nada, ou ele paga ou o pior pesadelo dele vai se tornar realidade;
O elefante é o pior - as vezes as crianças encucam com um presente que receberam e não há nada nesse mundo capaz de fazê-las mudarem de ideia, às vezes elas simplesmente não gostam, outras é porque ficaram com medo do presente. Esse é o caso, um garotinho ganha 2 bichinhos de pelúcia, um elefante e um urso, ambos o deixam aterrorizado a ponto de falar aos pais que eles queriam pegá-lo. Mas até onde vai a imaginação de uma criança e até onde vai a capacidade dos adultos de descartarem o sobrenatural? Você vai descobrir e se surpreender com esse conto.  

Já algumas em nada me aterrorizaram, para ser bem sincera, eu imaginava que algo mais pesado iria acontecer, como: 
Auriel - retrata um homem casado, sem filhos, com problemas em casa e que acaba de perder o emprego, agora ele quer se matar, mas um estranho chamado Auriel aparece e tenta fazer com que mude de ideia. Eu tenho uma imaginação muito fértil e fiquei um pouco decepcionada com o final desse conto, apesar de ter gostado, ele poderia ter algo bem mais macabro por trás.

A viagem - esse o final definitivamente não me agradou, apesar de ser com suspense até o pescoço o final foi zero de terror e cem por cento de emoção e surpresa. Rogério escapa de um acidente horrível na estrada e acaba encontrando Roberto, um homem que estava na estrada a pé a procura de uma carona, Rogério feliz da vida por ter escapado com vida resolve dar uma carona para o estranho, mas ele percebe que há algo de muito, - repito - MUITO errada com esse tal de Roberto.

Lado B - um detetive resolve afogar as mágoas de sua investigação frustada no bar do Beto, ele está inconformado com o fato de pessoas estarem sumindo sem deixar nenhuma pista. Nesse conto você aprenderá que ninguém conhece ninguém nessa vida, todo muito tem um lado sombrio que esconde abaixo das mascaras que criamos. O assassino pode ser seu vizinho, seu irmão, seu pai, e você passará a vida sem saber, pelo menos, até chegar a sua vez de respirar uma última vez!

Bom, os outros, deixarei vocês descobrirem sozinhos, contudo, agora vocês já sabem o que os aguarda!
Se eu não estivesse demasiadamente assustado, eu daria risadas dos barulhos que William estava fazendo. Um novo objeto de vidro é quebrado. Mas dessa vez, o barulho foi seguido por um grito descomunal, que fez o grito da minha mãe no episódio do banheiro parecer um leve soluço.
Novamente gelei. Até hoje não sei se foi William que se machucou na sua louca corrida para quebrar vasos, se foi Rafael que gritou de susto ou aquelas coisas que nunca conseguimos identificar, pelo menos uma vez na vida...
Um dos pontos que gostei: as histórias de passam em Monserrat e algumas histórias estão conectadas, uma cena que se repete ou influencia em outra história. Outro ponto que gostei foi uma das histórias que trata sobre fé, essa eu acredito que tenha sido a que mais gostei de todas, é bonita (apesar de não ter terror), ela nos faz pensar,  não se trata de religião, mas saber que algo além da nossa capacidade de entendimento possa agir e liberar nossos corações das prisões que nossos medos criam.

Alguns contos são maiores do que outros, contudo cada página utilizada foi necessária e maravilhosa, o autor escreveu muito bem, de forma limpa e direta. A capa é lindíssima, bem sombria e capta nossa atenção fácil. Já as páginas são amareladas e a fonte está em um bom tamanho. Erros? quase nenhum, parabéns à todos pelo ótimo trabalho!

Recomendo para quem goste de: contos, ficção, suspense, mistério e terror.

Não recomendo para quem:  não goste dos itens acima (claro), mas para as pessoas que não desejam conhecer o "Lado B" do ser humano, pois ele não é nada agradável, eu diria até lastimável e repugnante em alguns casos.

Obs: Livro cedido pelo autor para leitura e resenha.

Pessoal, gostaram? Deixem seus comentários, se já leram essa obra e o que acharam dela, etc. Não esqueçam do Top Comentarista de Junho, comentem para concorrer!



26 comentários

  1. Adorei a resenha!
    Ah, ainda não li nenhum livro do gênero de terror, mas pretendo ler.
    Bom, me chamou muito atenção esse livro por ter 12 histórias de terror, e me interessei pelas histórias, pois de alguma terei que gostar haha, e por o autor querer deixar o leitor com medo, já me interessou.

    ResponderExcluir
  2. Oi Ninah!

    Eu adoro contos, mas esse eu passo! rsrsrrs
    Adorei sua resenha!

    Bjo^^

    ResponderExcluir
  3. Oi Ninah, eu adorei os contos! Adoro o gênero de suspense e terror, não sou nada medrosa e adoro essa sensação de que algo vai acontecer. Com certeza vou procurar por esse livro! Bjs

    Território nº 6

    ResponderExcluir
  4. Oiii.
    Eu não sou de ler contos e ainda não li um livro de terror então é arriscado ler esse livro kkkk. Sou muito medrosa, mas gostei dos dois primeiros contos, lado b também parece ser bom.
    Enfim, eu amei sua resenha, mas por enquanto não leria o livro kkkkk.
    Beijos

    http://colecoes-literarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. uma amiga minha tem esse livro e disse que é a minha cara *--*
    amo livros/contos de terror...

    Fiquei bem interessada em ler desde então...
    Me empolguei com esse Royal Street Flash, adoro histórias em cemitérios heheheeh
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Ola :)
    Então, uasha, eu não curto contos, e nem histórias de terror, então não acho que pegaria esse livro para ler, hahah :p
    www.muchdreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá :) Ótima resenha! *-* Nossa, adorei a proposta da obra! :D Raramente faço leituras de livros de terror, entretanto, o assunto desperta meu interesse, ^^ A coletânea "Visões Noturnas" deve ser muito boa, :D gosto bastante de ler contos, *-* adoro suspense e mistério. *--* beijos!!!
    Blog: http://my-stories-wonderful-books.blogspot.com.br/
    Página: https://www.facebook.com/BlogWonderfulBooks

    ResponderExcluir
  8. Oii!
    Nossa, adorei o livro e adorei a resenha!
    Gosto muito de contos de terror - em especial os do Edgaar Alan Poe. Fiquei muito curiosa sobre o livro. A trama parece muitíssimo instigante e os contos incríveis!
    Espero poder conhecê-los pessoalmente.

    Beijos!
    www.palavrasradioativas.com

    ResponderExcluir
  9. Oi, desde que vi o livro quando lançou estou querendo lê-lo. Gosto bastante de terror, apesar de que não leio muitos contos gosto sim.

    ResponderExcluir
  10. OI Ninah!!
    Poxa, eu adoro suspense e terror e se tiver tudo junto então, melhor ainda... Só não sei se gosto dessa coisa de serem histórias distintas, mesmo que interligados (alguns deles), não acho que eu gostaria, gosto mais de histórias de terror corridas, seguindo uma linha de raciocínio, mas... Não custa dar uma chance para o livro e dar uma olhadinha nele, neh? Vai que eu curto!?
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    O medo é bem relativo mesmo.
    Por exemplo, eu tenho pavor do ET e minha irmã acha ele lindo.
    Não conhecia o livro e fiquei curiosa para ler, que não acontecerá tão cedo.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  12. Ninah, muito boa a sua resenha.
    Gostei de como você pontuou cada conto.
    Amo contos, mas tenho pavor de terror e suspense, por isso não leria.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  13. Oie! Tudo bem?

    Nunca ouvi falar do livro... Eu adoro o gênero. Vou procurar para ler e também vou indicar a uma amiga, pois sei que ela gosta. Estou curiosa pra ver como esse "Lado B" do ser humano foi retratado. Penso muito nesse lado da humanidade... E confesso que até me tira a vontade de viver. Enfim, fiquei bem curiosa!

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro e ainda não sei se o leria,já que não tenho o costume de ler livros de terror, então não sei se é para mim... De qualquer forma, adorei a resenha e a premissa do livro!
    Beijão!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
  15. Oii, eu curto histórias de terror, por isso a sua resenha me deixou em dúvida.
    Não despertou tanto assim o meu interesse porque três estrelas é uma pontuação meio que baixa pra mim, mas ainda resta uma leve curiosidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que ultimamente estou lendo poucos nacionais, mas gosto muito e esse livro ainda não conhecia, mas fiquei curiosa pois gosto de histórias de terror e pela sua resenha parece ser um livro bacana, embora as histórias não tenham te deixado apavorada.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Esse livro eu fugiria de cara, pois não consigo ler livros de terror e eu sempre me decepciono com livros de contos pois a história é bem corrida, principalmente se são vários em um livro.

    ResponderExcluir
  18. Gosto dos pontos que você citou, principalmente a coisa do suspense e terror, sempre me anima livros desse tipo mas essa premissa não me convenceu, eu leria mas não agora. Sua resenha ficou muito boa :)
    Beijos
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem? Adorei a resenha, muito bem detalhada, me interessei muito pelo livro. Nunca li nada de terror antes, mas quero me aventurar logo :)
    Beijos
    Larissa (http://laoliphant.com.br/)

    ResponderExcluir
  20. Oi,
    Esse livro comprei para uma amiga e nunca tinha parado pra presta muita atenção nos detalhes, gosto de contos e amo suspense talvez seria uma leitura boa pra mim.
    A capa deixa aquela ar de mistério e terror..
    Parabéns pela resenha.
    Beijos
    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas como gosto de contos, suspense e mistério, quando rolar darei uma chance ao livro, espero que ele não seja tão aterrorizante assim, pela sua resenha e pelo pouco que li não fiquei com medo não.

    Dica anotada e ótima resenha

    bjs

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Também sou muito medrosa pra ler esse tipo de livro
    Só por isso não leria e tbm por não querer saber o lado b do ser humano rsrs
    Sou uma menina de romances :p

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Acho super bacana ler sobre terror, mas confesso que tenho receio de ler. Não é por medo, mas por achar que o terror se perdeu ao longo do tempo. Poucos livros, e isso se estende aos filmes também, me despertam a ansiedade que deveria, o medo da história, sabe? Mesmo com sua resenha, acho que ainda vai demorar para eu conseguir pegar esse livro, justamente por esse motivo.

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
  24. Eu adoro contos de terror, e caso não tenha terror, o suspense também se satisfaz. Pelo que vi, como todos outros livros de contos, uns são melores que outros, mas o que importa é que, no geral, o livro como um todo funcionou. E claro que vou querer dar uma conferida nele.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  25. Olá, adorei a resenha mas não sei se vou ler, não sou muito chegada em contos, a leitura de contos não me motiva sabe?
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  26. Oie Ninah! ^^
    Dos contos que você citou o que mais de deixou curiosa foi o conto sobre os ursos de pelúcia, quando criança sentimos medo de muitas coisas e fica complicado perceber o que é apenas medo e imaginação e o que realmente é real, lembro de uma fase em que quando eu era criança que eu sentia medo das minhas bonecas. O.O
    Desejo muito sucesso ao Autor e tenho certeza que o livro dela irá conquistar os fãs de livros de terror. Já está na minha lista de desejados. \o/

    Beijos e até logo! ;)
    https://worldofmakebelieveblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!