Resenha #138 - Ligações - Rainbow Rowell

Livro cedido pela editora - capa brasileira
Oi! Pessoal, tudo bem com vocês?

O livro de hoje é de uma autora muito conhecida por seus romances "Fangirl", "Eleonor & Park" e "Anexos", espero que gostem da resenha que retrata o meu primeiro contato com as histórias de Rainbow.

Título: Ligações
Título: Rainbow Rowell
Editora:  Novo Século
Páginas: 302
Classificação: 4,5

Esse livro foi uma surpresa atrás da outra:

A primeira, e mais marcante, é que eu gostei muito do livro (só entre nós... não sou chegada em romances!).

A segunda é que me envolvi com a leitura de uma maneira completamente nova...Não conseguia parar de ler, entretanto não pelo fato de estar ansiosa para saber o final (o que me pegou desprevenida kkk). Mas sim porque simplesmente não conseguia sentir cansaço e muito menos enfadonha de tanto ler, era como se eu nunca tivesse avançando nas páginas, a história flui de forma tão graciosa que você nem sente! Fiquei verdadeiramente encantada com essa leveza que Rainbow criou.

Outro motivo pelo qual amei esse romance é poque ele realmente vai além da conquista, ele fala do que acontece depois que você já conquistou o outro e ainda mostra como se deve manter uma relação (na verdade é mais como "o que você deve fazer para acabar com uma relação" kkk).

O casamento de Georgie e Neal é o retrato de muitos casamentos atuais: a mulher sustenta a família e o marido cuida das crianças e do lar. Georgie é uma mulher muito ligada ao seu trabalho e a realização de seus sonho com Seth, seu melhor amigo e companheiro de trabalho, eles querem ter o seu próprio programa de comédia. Além disso, ela possui uma personalidade muito forte e principalmente: ela sabe o que quer!

Neal é um homem que nunca conseguiu se achar profissionalmente, nunca encontrou algo no qual quisesse trabalhar a vida inteira. Isso foi o que possibilitou que ele pudesse abrir mão de sua carreira para poder ficar em casa cuidando de suas filhas. Ele é muito tranquilo, tímido, fechado e ele não sabe o que quer!

Tudo estava indo bem (pelo menos era o que Georgie achava), até que uma reunião de negócios mudou a programação para o natal dela e da família, eles não poderiam mais viajar. Contudo Neal diz que não irá cancelar a viajem e, ainda por cima, que iria levar as crianças com ele. Isso a deixa chocada, afinal eles nunca se separavam. O que será que aconteceu??? Por que disso agora?

Georgie tinha lugar cativo no balcão da cozinha, e Neal trabalhava em volta dela. Ele servia vinho demais - e ficava oferecendo pedaços de ingredientes antes do jantar ficar pronto, soprando no garfo até a porção esfriar o bastante para ela provar.
Quanto tempo fazia isso? Oito anos? Dez?

Afastada de sua família Georgie tenta a todo custo falar com seu marido, porém não consegue até que ela usa seu antigo telefone (da época da adolescência) que ficava em seu antigo quarto, que agora virou a sala dos troféus dos pugs de sua mãe. Entretanto, algo parece absurdamente estranho quando Neal atende...

Ela ligaria na manhã seguinte. E não desistiria até falar com ele. Era só - foram apenas uns dias estranhos. Georgie andava ocupada. E Neal andava ocupado. E o fuso horário estava contra o casal.
E Ele estava muito bravo com ela.
Ela daria um jeito, não o culpava. Ficaria tudo melhor pela manhã.
[...] E se isso tudo estivesse acontecendo por algum motivo? E se ela tivesse de consertar o que havia entre ela e Neal? "O que tem de errado?" não era pergunta das mais fáceis de responder.
Ah, mas dava para responder, sim:
Muita coisa.

Esse livro me tocou de uma forma muito especial e acredito que irá te tocar também. Ele me fez refletir sobre os relacionamentos que tenho (família e amigos), me deu um novo ânimo para sair de minha zona de conforto e lutar para manter amizades e melhorar relações. No final, você também irá querer um telefone amarelo, mas não perca seu tempo imaginando como seria ou esperando a sua vez chegar... mecha-se HOJE, procure HOJE, faça HOJE, mude HOJE, lute HOJE, pois é só hoje que você pode mudar. É essa a mensagem que Rainbow deixa em seu livro.
Capa norte-americana

Erros? Poucos, como por exemplo: falada ao invés de falado, mão quando era mãe ou ainda serão  e o correto seria serem. As páginas são amareladas e a fonte é de tamanho médio.

Recomendo para todos que:
* Gostem de romance e drama;
* Não gostem de romance (assim como eu);
* Homens e mulheres; e
* Para todos que estão em um relacionamento sério, sejam namorados,noivos, casados, ajuntados... vocês devem ler sim!!!


Não recomendo para quem:
* Não quer ter relações duradouras;
* É machista;
* É homofóbico.


 E aí, Pessoal, gostaram? Deixem seus comentários, se já leram esse livro, o que acharam dele e não se esqueçam do Top Comentarista do mês de abril, com um novo livro e novas chances de ganhar. Um super ultra mega blaster abraço à todos!


25 comentários

  1. Oi Ninah!

    Mulher, to lendo este livro e falta menos de 20 páginas para o final, tipo, tô surtando muito mesmo! Essa autora é foda! Eu estou gostando tanto da leitura que nem sei o que vou escrever na resenha... aiaiaiai! kkkkk

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. eu li o livro anexos da autora e gostei bastante, espero gostar de ligaçoes tanto quanto anexos.

    ResponderExcluir
  3. Ninah adorei a premissa desse livro , o fato da leitura fluir muito bem é um ponto a favor. Que premissa interessante assim como sua resenha , fiquei bem curiosa com esse fato sobre o telefone antigo dela, e o que motivou o marido a viajar sem ela. Acredita que ainda não li nada da autora ? Preciso correr . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?

    Nunca li nada dessa autora, mas já li excelentes criticas sobre as obras dela. Gosto de livros que forçam o leitor a sair da zona de conforto, pois eles realmente nos fazem refletir sobre como está o status atual da nossa vida e nos faz pensar que sempre podemos fazer mais, basta querer. Gostei da parte que fez a divisão de pra quem recomenda e para quem não recomenda, isso ajuda muito os leitores na hora de escolher a próxima leitura.

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Dessa autora não li nada ainda.
    Gostei desse enredo.
    Realmente não é muito comum a mulher trabalhar e o homem cuidar da casa e dos filhos, só esse fato já me ganhou. AMEI.
    Anotado! Haha
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  6. Oi Ninah

    O livro parece ser muito legal, adoro livro que passa mensagens para repensar na vida e querer mudar algo ! Pena que a editora ainda não tenha se atentando na edição né porque sempre vejo muitos erros nos livros da editora!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá, Ninah.
    Não imaginava que pudesse encontrar nesse livro uma trama tão rica e que trouxesse tantas reflexões. Afinal, pela capa ele me pareceu mais juvenil.
    Achei interessante a premissa de ela ligar e quem atende é o seu "marido do passado", o que motiva um processo de catarse ainda mais interessante que a premissa. Sem dúvidas é uma dica muito boa para quem está em um relacionamento sério.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de abril. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  8. Oiiii, tudo bem??? Eu já tinha visto esse livro esses dias e fiquei morrendo de vontade de ler. E agora, fiquei com mais vontade ainda :3 Eu querooooooo. E estou em um relacionamento longoooo, preciso muito, kkkk
    beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu sou apaixonada por tudo o que a Rainbow escreve, mas confesso que esse não foi o meu o meu livro favorito dela. Não sei, queria ter me identificado mais com os personagens do que eu realmente me identifiquei.

    https://www.laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Esse acabou não selndo o meu livro favorito da Rainbow. Li a versão em inglês e não sei dizer se foi o enredo ou se foram os personagens, só que o livro não me pegou o tanto que eu gostaria, sabe?

    https://www.laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Ninah, tudo bem? Ainda não li nenhum livro da Rainbow, mas tenho bastante vontade de conhecer a escrita da autora. Esse parece ser um livro bastante interessante e com uma ótima mensagem de viver o hoje, não esperar pelo amanhã.

    Gostei bastante de saber que os personagens são maduros e que já vivem um relacionamento há anos, e tem problemas como todos os casais... gostei da autora mostrar uma mulher independente, que está a frente do sustento da família e o homem que fica em casa das crianças, isso é realidade no mundo atual e gostei da autora mostrar isso, chega daquela visão machista que é a mulher que tem que ficar em casa e tomar conta das crianças.

    Já tinha lido em outra resenha o quanto as conversas são engraçadas, e algumas são séries e de como é gostoso acompanhá-las. Esse é um livro que com certeza quero conhecer.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  12. Oi! Da autora só li Eleanor e Park e me comoveu muito, e mesmo que este seja bem diferente, note pela resenha que ela tem o dom de mexer com as emoções do leitor. Dica anotada.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  13. Oi Ninah,
    Bom, eu achei bem interessante a premissa deste história, pois ele está trazendo, vamos dizer, uma história em base ao real, no que realmente acontece, isso com certeza desperta interesse, ainda mais, nós mulheres, que somos casadas.
    Porem não entendi direito a razão do telefone o que acontece com ela depois de atender, acho que só vou descobrir depois que ler.

    Beijokas Ana Zuky
    SA Revista

    ResponderExcluir
  14. Nossa fiquei curiosa.
    Nunca li nada do autor, mas a maneira como você destacou que o livro lhe tocou emocionalmente me deixou interessada. Deve ser cheio de reflexões que nos levam à identificação com os personagens. A capa não atrai muito, mas lendo a sinopse e a resenha a gente passa a desejá-lo

    Café com Letras

    ResponderExcluir
  15. Olha, Ninah, eu amo romances, mas tive sérios problemas quando li esse livro. Na verdade, os problemas têm nome: Georgie e Seth. Não gostei de nenhum dos dois e, apesar de ter curtido muito a premissa, foi difícil me envolver com a história com toda a antipatia que senti por eles. Depois as coisas melhoraram, mas o estrago já estava feito. mas que bom que gostou tanto!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  16. gostei o fato de vc não gostar de romances e ter curtido o livro. isso prova que pode ser uma leitura que alcance diversos públicos.
    eu sou muito curiosa para ler algo da autora, mas ainda não tive oportunidade. vou ver se dou uma olhada nessa leitura assim que der :)
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  17. Oi Ninah, sua linda tudo bem?
    Amei sua resenha!!!!!!! Você me emocionou!!!! Achei muito tocante seu apelo de fazermos algo por nossos relacionamentos hoje, a mensagem do livro é linda é tão verdadeira. Ela era tão ocupada com sua carreira que não enxergava a família que tinha em casa. Esse trecho que você colocou de que ela se dá conta do que ele sempre fez e que ela nunca percebeu atingiu fundo. Quantas pessoas vivem dessa forma? Não vejo a hora de ler o livro.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Ninah, tudo bem?

    to doida para ler mais um livro da Rainbow. Li Eleonor e me apaixonei. To com Ligações para ler também e espero gostar do livro tanto quanto você. Essa autora arrebenta

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oi Ninah, eu amo romances e estou louca para ler Ligações. Conheci a escrita da Rainbow em Eleanor e Park e desde então, quero ler mais obras dessa autora. Saber que a história te tocou tanto me deixou ainda mais ansiosa para ler esse livro.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  20. Oi NInah,

    Eu AMO romances, não tem jeito, sou apaixonada assumida e declarada, hahahah. Ainda não li nenhum livro da autora e confesso que estou louca para ler os livros mencionados na sua resenha, isto em decorrência de ter lido várias resenhas positivas.

    Ah! como amei as suas recomendações e não recomendações, muito pertinentes e para reforçar as colo aqui, para o caso de alguém ler meu comentário, pois as achei mais que pertinentes. "Recomendo para todos que:* Gostem de romance e drama;* Não gostem de romance (assim como eu);
    * Homens e mulheres; e
    * Para todos que estão em um relacionamento sério, sejam namorados,noivos, casados, ajuntados... vocês devem ler sim!!!
    Não recomendo para quem:* Não quer ter relações duradouras;* É machista;* É homofóbico." By Ninah

    Beijos
    Tânia Bueno
    www.facesdaleiturataniabueno.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi pessoal, tudo bem? Quero agradecer todos os comentários e fico realmente contente de vocês estarem gostando das resenhas.

    Um super abraço a todos!

    ResponderExcluir
  22. Oi, Ninah!
    Ele é uma das próximas leituras. To curiosa com a leitura, ainda não li nada da autora.
    Mas espero que a história realmente me toque e me comova tanto quanto a você.
    Infelizmente os erros de revisão são uma falha bastante comum da Editora, uma pena mesmo.

    Beijinhos!
    Jaque - Meus Livros, Meu Mundo.

    ResponderExcluir
  23. Oie, tudo bom?
    A premissa desse livro é realmente bastante cativante e familiar. Como você disse, leva o leitor a pensar nos relacionamentos. Eu adoro a escrita da autora e ela faz com que a leitura seja fluida em todos os seus livros. Quero ler Ligações em breve.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi!
    Li dois livros da autora e acho a escrita dela incrível, não tem como ficar cansada com seus livros... Ligações é mais "adulto", mas quero ler e acho que também vou me apaixonar pela história!
    Bjs

    ResponderExcluir
  25. Oi, Diana!!
    Adorei as mensagens que você absorveu do livro. O fato de ele impulsionar o leitor pra agir hoje. Essa sensação de "despertar". Adoro livros com mensagens boas assim... E já ouvi falar muito da autora.
    Fiquei curiosa.
    Beijos
    http://vivianpitanca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!