Lançamentos Editora Gutenberg

Olá queridos leitores e escritores, tudo bem com vocês???
Comigo vai tudo ótimo!!!!!

Desses livros de lançamento da editora me interessei por Apaixonada por Histórias, parece-me uma história divertida e bem legal.




Paula Pimenta é conhecida e amada por milhares de fãs por seus romances juvenis, mas um dos primeiros gêneros nos quais se aventurou em sua carreira literária foi a crônica, que escrevia e publicava em sites literários. Em 2012, lançou seu primeiro livro nesse estilo, Apaixonada por palavras, pela Editora Gutenberg. Seus leitores gostaram tanto das 55 crônicas publicadas que pediram mais! Paula resolveu atender aos inúmeros pedidos lançando este novo livro, Apaixonada por histórias, que traz mais 55 crônicas. Como o título sugere, a autora desde pequena sempre teve enorme paixão por todos os tipos de narrativas, e, como maravilhosa contadora de histórias, narra várias situações que viveu em sua vida, e que inspiraram muitos de seus personagens e passagens de seus livros e séries.






Este é um livro diferente, porque é sobre alguém muito especial: você. É um espaço para você fazer coisas que vão colocar um sorriso no seu rosto e deixar sua vida mais alegre e feliz. São pequenas e grandes atitudes que vão lembrar você que tudo sempre pode ser melhor e mais divertido se a gente der uma chance, e que cada segundo da vida vale a pena até quando a gente tende a não a acreditar muito. Este é um livro sobre amor, felicidade e alegria de viver. Mas ele só vai acontecer completamente se você topar embarcar nessa loucura fazendo-o seu de verdade. Cada minuto que você dedicar a estas páginas farão com que este livro se torne mais completo e mais seu. Então vem! E fica aqui um convite: fotografe e publique tudo o que você fizer no seu Livro do Bem nas redes sociais com tag #livrodobem. Porque o que é do BEM merece ser compartilhado!




 Decidindo que sua vida deveria chegar ao fim, mas sem coragem de cometer suicídio, uma mulher contrata Soares, um matador de aluguel. Resolve que sua morte acontecerá na bela cidade de Barcelona, e para isso envia ao seu futuro algoz a passagem de avião e o endereço de onde ficará na Espanha. Ele deverá matá-la no prazo de quatro meses, quando for mais conveniente. Junto com o pagamento, manda também uma foto sua, para que ele saiba quem ela é. Mas ela não quer saber como é a aparência de seu matador. O destino, porém, nem sempre cumpre à risca os planos que costumamos traçar para ele.







 Victoria é sempre impecável. Seus cabelos e unhas brilham, seu quarto não tem nada fora do lugar, sua rotina é precisa. Se há algo que ela pode considerar como um defeito em sua vida é Lawrence, que parece seu oposto: é preguiçoso, desorganizado, anda com a roupa desgrenhada e vive sonhando no mundo da música. Ela nem entende como eles vieram a se tornar amigos. Mas, exceto por isso, sua vida é perfeita na cidade de Belleville.
Até que Lawrence desaparece. Ela começa a investigar, e percebe que ele não é o único a sumir na pequena cidade. Por trás de suas ruas tranquilas, há segredos sombrios e assustadores, e as pistas que Victoria encontra parecem apontar para um lugar em especial: o Lar Cavendish. As pessoas entram lá mas saem diferentes. Ou então não saem.
Ignorada pelos adultos, ela se vê como a única capaz de tentar resolver o mistério e trazer seu amigo de volta. Mas, para isso, terá de abrir mão de sua vida perfeita.


Quem curtiu? Deixem seus comentários... Xero no coração de todos!!!!!

Resenha Coletiva #2 - Série Fallen

Olá leitores, tudo bem??? 
Gostaria de agradecer a todos que passam por aqui e deixam suas marquinhas e aqueles que passam e leem as postagens... Até aqueles que passam para uma visita super rápida. Muito obrigada!! 

A postagem de hoje é obre uma resenha coletiva, na verdade é só um prospecto do que achei dos quatro livros da série... quando li o três livros ainda nem sonhava com o blog e mesmo que já tivesse resenha deles é sempre bom recordar de séries que nos marcaram ou que nos trouxe alegria durante a leitura.


Eu babo nessas capas. A minha amiga Verônica bem sabe como sou louca por esses vestidos e a luvinha... um dia ainda acho que poderei vestir um desses... mas falando do livro. Esse foi o melhor da série... É o que eu mais gosto. É o inicio de tudo. É misterioso e instigante. Nele criei uma empatia com Luce gostei dela. Frágil e em um lugar onde poderia se sentir bem com tantas pessoas estranhas, mas que de algum modo tinham um pouco haver com ela. Eu amei essa leitura. Me apaixonei pela escrita de Lauren ela foi bem ambiciosa nesse tema. Eu adoro histórias que envolvem anjos e nesse é um prato cheio. Eu ficava ansiosa pelas descobertas de Luce e fiquei super encantada com o Daniel e envolvida com o Cam. Personalidades diferentes, mas que de alguma forma me atraíram cada um com seu jeito e personalidade. Eu acho que pelo fato de ser a introdução do livro e para melhor entendimento do leitor havia encantamento e romance, mesmo diante dos caos que tinha premissa de acontecer. Foi um livro que li rápido e fiquei ansiando pelo próximo! (Leitura 10/2010)




Bom como eu disse assim que terminei de ler Fallen fiquei louca para ler Tormenta, mas tive que esperar um pouco para o lançamento e assim que lançou corri para comprar. Algumas coisas haviam sido desvendadas e Daniel meu querido queria proteger Luce de alguns perigos. Nesse livro teve algumas cenas de ação e algumas coisas que me surpreenderam, gosto de ter essas lembranças porque é uma série que não é uma de minhas favoritas, mas que gostei de ler. Algumas partes desse livro foi um pouco cansativo e entediante. Fiquei irritada com algumas atitudes de Luce e seu comportamento. Não entendi porque que a autora a escreveu tão bem no primeiro livro e no segundo ela se tornou um pouco chata. Mas mesmo diante desses percalços foi uma leitura agradável e com cenas de dar frio na barriga principalmente o final do livro. Notei que a autora teve que fazer algumas pesquisas e colocar ficção em muitas coisas, mas gostei do enredo mesmo assim. E senti que precisava ler Paixão logo para saber o que poderia acontecer. (Leitura: 01/2011)






Paixão... bom esse livro é o que menos gosto de todos. Ele foi muito enrolado e cansativo. O que me deu gás para continuar com a leitura foi a vontade de saber o que iria acontecer e já que eu tinha começado a ler a série não queria parar na metade e iria até o fim. Mas confesso que pensei em desistir algumas vezes. Não sei o que aconteceu com Lauren nesse livro, porém ele tinha tudo para nos contagiar, mas a leitura ficou arrastada. Não vou negar que teve algumas cenas importantes para o desfecho da história no próximo livro, mas mesmo assim eu acho que a autora poderia tê-lo desenvolvido mais e dar um pouco de energia e força. Mas essa é apenas a minha opinião. Não recomendo a desistência da leitura pelo o que eu achei e sim sou a favor de cada leitor ler o livro e tirar suas próprias conclusões.
(Leitura: 10/2011)





Finalmente após um tempo de espera (um tempo longo) saiu Êxtase e mais uma vez eu corri para comprar. Não sei se acontece somente comigo... mas terminar uma série as vezes é uma tortura porque ao mesmo tempo que eu quero ler para saber o final e o desfecho eu também não quero que termine... isso é tão contraditório dentro de mim. Bom a autora inovou nesse final pelo menos ao meu ver. Ela foi arriscada e trouxe contradições com alguns personagens que me fizeram chorar... isso mesmo derramei algumas lágrimas no decorrer da história e fiquei com raiva da autora por mais que eu entendesse que aquilo se fazia necessário (ou não), mas enfim... só sei que a leitura foi mais proveitosa do que em Paixão e até que eu gostei do mistério revelado que estava em volta de Luce. Os personagens até que foram bem escritos e desenvolvidos foi isso que me alegrou mais em continuar lendo a série e terminá-la. O final não me surpreendeu... eu imaginei outro totalmente diferente mesmo que fosse triste e melancólico, mas volto a dizer é apenas a minha opinião é sempre bom ler o livro para tirar sua própria conclusão. (Leitura: 12/2012)



Bom não vou ignorar o trabalho bem feito que a editora Galera Record teve com as capas dos livros. Foi um trabalho digno de arte. Até hoje quando limpo meus livros dessa série, gosto de tocá-los e sentir o leve toque do relevo. Eu simplesmente adoro. A série por mais que em alguns momentos teve a leitura cansativa, ela teve seus momentos bons e que me causaram algumas sensações como angústia e emoção. Sim me emocionei em algumas partes e em outras fiquei extremamente irritada. No mais eu gostei da escrita de Lauren e ela soube desenvolver bem os personagens. Sei que essa série não agradou a todos. Tem quem não goste e tem quem goste. Tem aqueles (como eu) que gostou e favoritou somente um livro e etc... mas é assim mesmo que vamos descobrindo o nosso gosto pela leitura.



Bom todos os fãs, os que não gostam da série e até mesmo os simpatizantes sabem que a Disney comprou os direitos autorais de Fallen para produzir o filme. Depois de muita espera os atores foram escolhidos agradando uns e outros não... só que até agora nada do filme... e sinceramente nem sei se vai sair... muito demora. Dois anos que terminei de ler e nada. Será que vai sair?


Bom a foto dos meus bebês não ficaram excelentes, mas dá para ver direito né? (risos) E ai pessoas o que acharam? Deixem seus comentários. Quem leu? O que achou? Quem não leu, pretende ler? Aguardo a opinião de vocês. Xero no coração de todos!!!!


Resenha #93 - Despedaçada - Teri Terry


Título: Despedaçada
Autora: Teri Terry
Editora: Farol Literário
Página: 395

"Essa resenha não contem spoiler"

Para quem ainda não conhece a série, pode ler as resenha dos primeiros livros clicando nos nomes abaixo:



Inspiro lentamente. Eles não estão atrás de mim. Irão embora agora. Eles não estão atrás de mim.

Escrever essa resenha não está sendo nada fácil pra mim. Primeiro porque é o ultimo livro da série. Segundo porque achei que não fosse me emocionar, mas os finalmentes do livro mexeram comigo acho que parte foi a escrita da autora e o simbolismo que ela trouxe com a leitura e parte pela nostalgia que já sinto por ter terminado mais uma série. Sim terminei uma série com uma sensação leve e boa, com uma saudade já sentida com antecipação, com um misto de sentimentos que não sou capaz de traduzir de uma só vez, mas que eu agradeço a Farol Literário a editora parceira do blog por ter proporcionado todas as sensações que senti trazendo essa série maravilhosa para o nosso país e para a minha estante.

Posso dizer que essa série é uma de minhas preferidas e que fechei a leitura com chave de outro, claro que esperava por um outro final, mas gosto de ser surpreendida mesmo que seja positivo ou negativo e  posso dizer que esse final foi positivo, não o que eu queria claro, mas a autora soube fazer o caminho direito e nos levou até lá com competência pelo menos em minha humilde opinião.

Conhecemos ao longo da trilogia a Kyla, uma garota que foi reiniciada, praticamente nasceu de novo, aprendeu a andar, a se movimentar, a comer, a ler e tudo mais como se fosse uma simples criança crescendo, mas com seu 16 anos. Porque isso? Até onde ela sabia era a novidade do governo para os menores infratores terem uma segunda chance, porém para Kyla sempre tinha outros significados que ela lutou bravamente para descobrir e ai eu te pergunto leitor, será que ela descobriu o sentido por sua vida e busca? Bom tenho que confessar que não sei... rs... até sei algumas coisas, mas recomendo a leitura do livro para que você possa compreender melhor tudo que estou dizendo aqui.

-A cada dia que passa, percebo mais e mais que há momentos em que, não importa o risco, alguma coisa precisa ser feita. Algumas coisas devem ser ditas. Este é um desses momentos?

Esse livro não começou com aquela aventura frenética que vimos nos primeiros livros, porém não deixou de me prender por isso, muito pelo contrário as partes "paradas" que alguns leitores usam foi de extrema importância para o desfecho da história e para seu desenvolvimento, porque a coisa mais triste é você finalizar um livro que seja único ou de série e ficar com várias interrogações, porém nesse tudo foi bem entrelaçado, mas eu gostaria que a autora fizesse pelo menos um conto sobre o Ben, porque gosto muito desse personagem ele me cativou muito e me fez torcer por ele em vários momentos.

O livro é bem trabalhado no enredo e na ambientação e mostra que a confiança é a base de tudo em uma época difícil onde você está um pouco sozinha e correndo atrás de se descobrir. Percebi que não foi apenas uma história sendo contada, mas totalmente desenhada para que possamos deliciar cada página. Teri foi exemplar nesse livro e me arrebatou de vez e quero e muito conhecer outras obras escritas por ela. Kyla vive com efeito de uma bomba relógio em busca de segredos e definições, porque com a narração em primeira pessoa conseguimos adentrar em sua mente e sentir toda a sua angústia, desespero, medos e fraquezas e posso dizer para vocês com toda certeza de que cada sentimento pelo qual ela passou eu passei junto, senti junto, parecíamos que fazíamos parte uma da outra de tanta intensidade que é a mente dessa garota. Posso dizer que ela não é a personagem perfeita porque tem os seu deslizes, mas digo que ela é uma de minhas personagens que admiro e que quando querem vão atrás e chegam onde querem mesmo passando pelos maus bocados que ela passou.



Posso dizer que amo essas capas?? Pois eu amo todas, mas confesso que a minha preferida é de Despedaçada... ela reflete bem o que o livro quer dizer e o que ele nos traz. Cada frase anunciada na capa é totalmente condizente ao espirito do que a Teri quis nos trazer nessa trilogia. Ainda digo que amei demais ler essa série, cada pedacinho do que li está em meu coração e estampado em minha pele. Tenho muito orgulho de dizer que foi uma trilogia bem escrita e bem trabalhada. Seus personagens foram bem desenvolvidos e bem estruturados. Nesse mundo distópico o governo ditador é o poder absoluto e nem sempre aqueles que são os líderes são confiáveis e aqueles que menos esperamos podemos confiar. É um jogo de intriga onde Kyla se vê no meio e chega a ser torturante alguns momentos. Sim lágrimas foram derramadas e digo que se fosse eu não sei se eu teria tanta força para enfrentar os percalços que ela enfrentou. Os personagens secundários foram muito importantes para que a obra continuasse o caminho traçado pela a autora. Todos foram bem desenhados e entrelaçados entre sim. Só teve um pontinho que me deixou com uma pequena interrogação referente a um personagem que eu esperava que fosse ser mostrado um pouco mais e que ele não terminaria cru como terminou. E quem já leu e quiser comentar comigo é só me procurar no facebook e a gente pode conversar.

Há uma parte de mim que deseja levantar e dizer já chega!. E outra parte está feliz por manter a aparência diante dos estranhos, por esperar e observar.



Teve personagens novos que entraram para compor o enredo e mostrar que eram essenciais para algumas cenas do livro. A diagramação como sempre está em perfeita ordem. Não consegui identificar nenhum erro de revisão. As folhas amareladas e a fonte no tamanho médio bem distribuídos nas folhas deram o toque final para uma leitura cheia de emoção. A capa bem desenhada e sem nenhum defeito e eu continuo babando nela. A Farol está de parabéns pelo ótimo trabalho realizado com essa trilogia e eu a fechei com muito amor e favoritei todos no meu skoob.

É um absurdo romântico pensar assim. Sou tomada por uma onda de tristeza, pouco a pouco, tão profunda que sinto como se um peso enorme estivesse me segurando imóvel, como se estivesse paralisada.

Sei que exagerei muito nessa resenha e me mostrei extremamente empolgada, mas tudo que disse realmente senti pessoas, espero que tenham curtido e deixem seus comentários, farei questão de ver cada um e por favor, me digam o que esperam da série se não leu e para quem leu o que achou.

Obrigada pela companhia... Xero no coração de todos!!!!!! 

Promoção: 2 Anos de Livros de Elite


Oi gente!

Mais uma super promoção para vocês. Desta vez, nós do Livros de Elite nos juntamos com 9 blogs amigos para presentear 2 leitores com 5 livros cada! Quer ser um dos sortudos???? Preencha os formulários abaixo e torça muito! *o*


Resenha #92 - O Senhor da Luz - Graciele Ruiz



Título: O Senhor da Luz - A Saga de Datahrium
Autora: Graciele Ruiz
Editora: Novo Século
(Novos Talentos da Literatura Brasileira)
Páginas: 317



Os cabelos era da cor de fogo e em suas veias corria o vento. De suas costas brotavam asas e seus olhos dourados de águia alcançavam longas distâncias. E, por mais estranho que soe, ela era uma garota normal. Era.

Fazer essa resenha pra mim é bem difícil porque o livro foi bem diferente do que eu havia imaginado e a Graciele o escreveu bem e conseguiu me surpreender com  a história, porque tudo pra mim foi inesperado. 

Nossa protagonista é Lícia, perdeu o avô recentemente  e dele herdou um objeto que juntos com os demais que estão espalhados pode salvar seu mundo Datahrium, agora ela era a guardiã. Nisso ela resolveu correr atrás de algo grande e muito importante. São cinco objetos que juntos nas mãos de uma pessoa certa (do bem) poderá salvar esse mundo que está dividido e em conflito.

Datahrium fica em Drânia uma clássica galáxia espiral desconhecida por humanos e que está há milhares e milhares de anos-luz. Esse mundo é um pouco menor que a terra e se divide em nove continentes e não existe países somente cidades e vilas. Datahrium possui três satélites naturais chamados de Lítica (a mais brilhante), Litian (a menor) e Lítifa (a opaca).  Aconselho a leitura da introdução do livro para melhor entendimento no decorrer da história, apesar que a escrita de Graziele é de fácil entendimento.

Lícia saiu em viagem para descobrir um próximo guardião do objeto que poderá salvar o mundo, mas não sabia que as sombras também o queria. Ela sabia que corria perigo sim e que existiam as forças malignas, principalmente do reino de Trayena a deusa da guera e da morte. Lícia estava indo para Akinus o clã do fogo, lá as pessoas tinha o fogo como poder e tinha como bichinhos de estimação, verdadeiros amigos os animais dotados de fogo como a fênix e os dragões. Ela sentia que lá iria encontrar um próximo guardião e claro que ela primeiramente enfrentaria o deserto para chegar lá.

-Seu povo? Mas eu nunca ouvi falar de um clã que não pudesse ver o sol; nunca ouvi falar em Dilke também. - Sua cabeça estava mais confusa do que nunca. - Ah, já sei, é um sonho! Só pode ser outro sonho!

Na minha visão a história começa quando Lícia chega em Akinus e com a sua dificuldade de ultrapassar a guardiã da entrada do clã, ela passa por maus bocados e sofre muito com as perdas que lhe acontece nesse trajeto, mas também ela ganha alguém especial que entra na sua vida a qual eu achava que seria apenas de passagem. Ela encontra Nahya uma pessoa que lhe ajudou sem pedir nada em troca e que se torna uma amiga junto com o seu dragão.

Eu gostei muito da história, apesar de algumas partes eu me sentir um pouco cansada com a leitura. Nada que atrapalhasse é claro, porque a escrita é contagiante e para quem gosta muito de fantasia é capaz de prender. Percebi o desenvolvimento da história em um ritmo frenético de busca. O ambiente da história em lugares mais encantados que outro e seres peculiares e animadores. Da mesma forma que a dupla Lícia e Nahya encontravam pessoas boas em seus caminhos elas também encontravam seres brutos e de péssimo coração... seres que tentavam tirar vantagem de um bom coração e da inocência. As coisas chegaram a ficar bem difíceis e muitas vezes me senti agoniada com os acontecimentos e as aventuras que essas duas encontravam pelo caminho.

-Não fique triste. E o mais importante: não desista... Nada é fácil e nada é de graça. Se quisermos muito algo que está fora de nosso alcance, devemos lutar para tê-lo, lembre-se disso.

Eu gostei muito da Nahya ela é uma personagem forte e decidida... que quando quer algo vai atrás e sua fidelidade na amizade com Lícia é linda de se ver. A amizades delas me contagiou muito. Lícia é uma garota simples e apesar de algumas vezes ela demonstrar medo e total inexperiência em muitas ocasiões, ela é forte e corajosa. Teve algumas cenas que ela me irritou e outras cenas que me fizeram gostar dela demais principalmente nos momentos finais do livro. Tivemos os personagens secundários que fizeram bem a composição do livro e em alguns momentos foram de extrema importância para o desfecho. Gostei do enredo proposto pela a autora parceira e ela deu fluidez na leitura pelo menos pra mim.

Livro cedido pela autora para leitura e resenha.


A diagramação do livro está em ordem com suas folhas amareladas e fonte de tamanho médio. O livro é narrado em terceira pessoa o que deu uma visão nos outros cenários da história e em algumas partes de extrema importância e entendimento. Percebi pouquíssimos erros de revisão, mas nada que atrapalhe a leitura. Esse é mais um livro nacional lançado pelo selo Novos Talentos da Literatura Brasileira (Novo Século) e isso me deixa extremamente orgulhosa em saber que as editoras estão trazendo mais autores nacionais e com muito talento para nós leitores apreciarmos.

Eu recomendo a leitura para amantes de aventuras e fantasias. Agradeço a autora Graciele por me apresentar essa obra nacional cheia de vida. O livro não só trouxe um mundo mágico, ele trouxe ensinamentos. Pude perceber o valor da família, o quanto somos amados e não importa o que aconteça, sempre seremos bem recebido no nosso seio familiar. O poder da amizade e para onde ela pode nos levar. O amor perante a natureza e aos seres vivos porque eles fazem parte de nós e nós fazemos parte deles. O nosso ambiente é essencial para a sobrevivência de todos e isso foi muito importante perceber o cuidado e sutileza que a autora transpôs isso na história também.

Os erros cometidos quando você não dá ouvidos à razão, e sim à emoção, podem ser os piores, os que deixam as maiores cicatrizes. No entanto, são aqueles dos quais, mesmo assim, você não se arrepende - e, se tivesse a chance, faria tudo de novo.

Desejo a todos um bom final de domingo e uma excelente semana. Xero no coração de todos!!!!


Tag #27 - Obsessão por Livros!

Olá pessoas, tudo bem???
Hoje venho com mais uma tag, eu adoro respondê-las é tão legal!!!!


Essa tag eu achei no blog Segredo entre Amigas da blogueira Bárbara Sá e gostei muito das perguntinhas e resolvi trazer aqui para vocês. Também aproveito para convidá-los a conhecer o blog dela que é lindo e tem muitas novidades.

1-Você tem obsessão em comprar livros?

Sim. Eu considero uma obsessão. Antes do blog eu comprava, mas em poucas quantidade  e nem tinha muito dinheiro para comprar... após o blog virou uma compulsão quando não consigo comprar sinto um vazio.

2-Quando, onde e quantas vezes você compra livros? Vai sozinho ou acompanhado?

Geralmente eu compro na Saraiva (site) e Submarino. Quando vou ao shopping compro na Saraiva de lá e a maioria das vezes estou com a minha melhor amiga que vê minha loucura quando entro na livraria e tem uma que fica perto do trabalho que todos já me conhecem rs. Bom eu costumo comprar uma vez por mês e dependendo como veio o meu salário é que vejo a quantidade que dá para comprar.

3-Qual o aspecto que te atrai em um livro? Tem algum gênero que você sempre procura?

A capa costuma me chamar muita atenção ai leio a sinopse e se me agrada eu compro, mas confesso que já comprei livros somente pelas capas e ainda bem que até agora gostei de todos rs. Procuro entre romance e distopia.

4-Prefere livros novos, usados ou a mistura de ambos?

Ah eu sou sincera, prefiro livro novos... é muito raro eu ir ao sebo. Gosto de sentir o cheirinho, gosto de saber que fui a primeira pegar e a ler. Sou chata com isso, mas enfim rs.

5-Quanto você está disposto a gastar com livros por mês?

Despende de quanto sobra no final do mês o meu salário ou quando minha irmã me empresta o cartão de crédito dela que sempre divido em duas vezes.

6-Alguma vez você já se obrigou a parar de comprar livros?

Sim. Uma vez é porque minha mãe brigou feio comigo porque nesse mês que aconteceu chegou mais ou menos 15 livros no mês e no mês seguinte ela disse que jogarias meus livros fora se chegasse algum livro comprado por mim, com exceção das editoras parceiras rs. Outros dois meses, foi porque estava em crise financeira e não consegui comprar nenhunzinho e quase tive um surto com isso.

7-Quanto tempo você demora a ler os livros recém-comprados?

Depende muito do livro que eu compre se estou ou não muito ansiosa para ler. Tem livros aqui que comprei há um ano e meio e ainda não li e tem livro que ganhei recentemente e já está resenhado. Mas agora estou tentando intercalar.

8-Você prefere comprar muitos livros curtos e caros ou livros grandes e baratos?

Depende. Tem livros grandes que também são caros e vice-versa. O livro tem que me encantar se isso acontecer eu pego e compro.

E ai galera o que acharam? Deixo a tag aberta para quem quiser responder viu.
Xero no coração!!!

Imagem: Google.


Resenha #91 - Fascínio Egípcio - Luciane Vieira


Título: Fascínio Egípcio
Autora: Luciane Vieira
Editora: Modo
Páginas: 

Sinopse:
No cenário do Antigo Egito, as vidas do príncipe herdeiro e da filha do sacerdote do deus Amon se cruzam, seus pais disputam poder na cidade mais importante do Egito. Ele criado para governar o país, ela retirada pela mãe de uma vida de conforto e luxo é criada escondida em uma vida de muitas dificuldades. A vida de Zeq é marcada pela crença popular que ele é filho de um deus e a vida de Naia é marcada pela descrença desde que a mãe mentiu ao dizer que seu pai estava morto, mas sua mãe na eminência da morte faz uma revelação, seu pai está vivo e lhe entrega uma prova disso. Preocupada com o estado da mãe e sem recursos ela comete um ato desesperado e furta alguns alimentos, na fuga é presa por um guarda do Faraó e levada ao calabouço. O que o futuro Faraó do Egito não imaginava é que ficaria fascinado pela beleza e personalidade da jovem. Naia tem o curso de sua vida drasticamente alterado, pois não sabe se odeia ou ama Zeq e terá que decidir se vive esse amor conturbado e assume a responsabilidade de se tornar a Princesa do Egito! Enquanto ela luta para definir seus sentimentos, tem que enfrentar traumas do passado, desconfianças e inimigos que tentam a todo custo atrapalhar seu relacionamento com Zeq.

Quem gosta de romance intenso? Esse livro traz isso. Consegui viver tantos sentimentos nele que eu nem fazia ideia. Jamais imaginei uma história tão cheia de sentimentos misturados entre o amor e o ódio em cima dos protagonistas. Onde a inveja pode te levar até além da morte. Onde o sentimentos de amor podem te transformar. O que eu posso dizer que tive etapas de vivências de sentimentos durante a leitura desse livro que eu fiquei totalmente atônita com alguns acontecimentos principalmente porque falamos de um Egito antigo e desde essa época temos a base de que as pessoas são tão ambiciosas, tem tanta maldade no coração, se deixam levar por sentimentos negativos para conseguirem o que querem, mas ao mesmo tempo conseguimos visualizar, a beleza da amizade, do companheirismo, fidelidade entre os seus e também altruísmo.

-Eu ainda não concordei Zeq, vai contar a seu pai mesmo assim?
-Vou, tenho certeza que vai pensar melhor e me dar razão.
-Pode ser, e Naia compartilha de sua vontade de se casarem?
-Não, nem ela e nem ninguém sabia até agora.

Bom esse livro é regado de romance, mas bem complexo, você entra no mundo Egípcio meio sem saber o que esperar e quando percebe está no meio de uma trama que te prende do inicio ao fim. Foi isso que aconteceu comigo. Claro que teve umas partes que achei um pouco exageradas da autora, mas nada que atrapalhasse a leitura. Posso dizer que Zeq o príncipe do Egito é o tipo de pessoa exemplo de que quando se quer algo luta por aquilo até conseguir. Percebi sua insistência e motivação pelos encantos da plebeia Naia uma garota simples que entrou no caminho dele de uma forma nada comum. Ela por desespero e necessidade roubou para dar alimento a sua mãe que estava a beira da morte e foi presa. Armais o fiel escudeiro da tropa do príncipe a levou para o calabouço. Naia não era somente uma típica egípcia... ela tinha um corpo escultural e uma beleza que hipnotizava todos os homens que se aproximava dela e não foi diferente com o príncipe que desde o primeiro momento que colocou os olhos nela ficou fascinado pela sua beleza e seu jeito sincero de ser.

Naia só se preocupava com sua mãe e com as descobertas que teve quando ela lhe revelou quem era seu pai e ela queria encontrá-lo, pois ficaria sozinha nesse mundo, mas o príncipe tinha outros planos ele a queria a qualquer custo. Mesmo com as desavenças políticas entre o pai de Naia e o Faraó, Zeq lutou para ter Naia em seus braços e casar com ela, mas as coisas não seriam tão fáceis como ele poderia imaginar e por mais que Naia estivesse dividida entre o amor e o ódio que sentia, terminou casando com ele. Mas a nossa princesa do Egito não era nada fácil com suas artimanhas em escapar do príncipe e deixá-lo sempre nervoso com suas ações e atitudes, eles vivam praticamente entre tapas e beijos e de certo modo era bem divertido vê-los nesse pé de guerra.

Encontrava-se cada vez mais ansiosa, um casamento arranjado entre seu pai e o Faraó isso não tinha como dar certo, no entender dela; mas também não conseguia achar uma saída para livrar-se dele.

O livro é bem desenhado e a ambientação é na medida, fiquei imaginando as cenas no antigo Egito com todas aquelas roupas, maquiagens e pessoas maquiavélicas. As pessoas tem ruindade no coração desde os tempos antigos assim como quando são fiéis ao que acreditam e ficam com isso até o fim. O livro não só mostra um romance. Ele nos traz significados de amizade, companheirismo, amor, alegria e força. Os personagens foram bem escritos. A autora soube trabalhar em cada um deles com maestria, gostei de todo o desenvolvimento que ela deu a cada um. Só posso dizer que os personagens secundários são extremamente necessários para o andamento da historia transcorrer de forma fluida e prazerosa. 

Não tenho como falar de todos os personagens, mas posso citar a nossa mocinha plebeia. Naia com esse seu jeitinho lindo, já é uma menina sofrida e nada tonta, engana-se quem pensa que ela é apenas um rostinho bonito. Ela é forte, é decidida, teimosa e muito impulsiva. Nosso príncipe Zeq é lindo, mas é impulsivo, teimoso, muito genioso, mas demonstra poder e luta pelo seu povo. Protege quem ama sem medir as consequências. Tenho que falar de Armais. Meu personagem favorito da trama. Ele é o melhor amigo de Zeq e considerado filho do Faraó. Ele é totalmente fiel ao príncipe e ao reino e é um homem romântico, atencioso, corajoso, forte e muito sensato. Quero um desses para mim.

A história tem reviravoltas angustiantes e muita tempestade com o nosso casal de teimosos, nossa como eles são intensos e as vezes irritantes, tive vontade de dar umas palmadas neles de tanto que eles mereciam. 

Livro cedido pela autora através do Book Tour.


Os capítulos não são tão grandes, estão bem divididos. A diagramação do livro está em perfeita ordem e com as folhas amareladas e a fonte bem distribuída. A capa do livro é bem bonita, eu gosto e representa bem o nosso casal, A editora Modo trabalha bem nas capas de seus livros e eu gosto desse trabalho. A autora está de parabéns nesse romance, cheio de aventura, romance, conflitos, ordem e poder. Ela mostra a parte gananciosa dos invejosos e que nem sempre podemos confiar em membros da própria família. Onde as pessoas são capazes de ir por um pouco de poder que lhe é prometido. Fico imaginando que nem sempre devemos confiar naquilo que está perfeito demais e que ainda existem pessoas de boa fé. Essa foi a reflexão que ela trouxe pra mim, não apenas uma história, mas sim uma ótima maneira de confiar com um olho aberto e outro fechado. Eu recomendo a leitura, para quem gosta de romances e algum significado para refletir. Digo que em uma parte do livro me senti tão emocionada que algumas lágrimas caíram despretensiosamente, posso dizer que sofri com o final do livro e torço para que exista uma continuação. 

- Amo você - falou de uma só vez, tinha a voz embargada enquanto lágrimas correram pelo seu rosto. - Amo você. - Naia achou que perderia os sentidos, ele a puxou para si, prensando ela contra seu corpo.

E ai leitores? O que acharam? Deixem seus comentários ficarei feliz em lê-los.
Xero no coração!!!


Livros lidos até a página 100 #26


*Primeira frase da página 100:

-Sério?
-Não se preocupe. Você não sabia, não é?

*Do que se trata o livro?

Esse é o livro final da distopia Reiniciados da querida autora Teri Terry. O livro dá sequência a busca da verdade sobre o que realmente aconteceu na vida de Kyla. Ela foi reiniciada. Ela descobriu algumas coisas e se tornou alvo dos lordeiros. Ela teve que fugir. E agora está em busca do seu passado, para se conhecer, para saber quem realmente ela é. Em contrapartida, descobrimos um governo dominante com diretrizes um pouco escusas, onde o poder é lei suprema e você deve e tem que temê-lo.

*O que está achando até agora?

Eu estou gostando, sou bem suspeita em falar dessa série porque eu amo demais a escrita de Teri. Gosto da forma como ela desenvolve a história e a narrativa da protagonista. Eu consigo me colocar no lugar dela e sentir as suas sensações. Acho que é um ponto forte para a leitura fluir bem.

*O que está achando da protagonista?

Kyla só me surpreende. Admiro sua força e sua coragem. Ela não passou por coisas boas antes e após ser reiniciada e se mantem firme mesmo seu corpo e sua mente querendo desmoronar. Ela perdeu pessoas queridas e por mais que tente fica difícil se manter confiante diante das pessoas que passam em sua vida. No lugar dela eu já teria enlouquecido. Ela cresce cada vez mais e em meu conceito de personagens fortes ela realmente é uma delas.

*Vai continuar lendo?

Sim sim e sim... estou lendo com o coração na mão porque ao mesmo tempo que eu queira terminar a leitura para saber o desfecho me dói saber que vou finalizar e vai me restar saudades.

*Melhor quote até agora:

Por mais que eu tenha insistido que era preciso, que eu precisava saber quem eu era, estou com medo. O que acabarei descobrindo?
*Ultima frase da página:

-Porque você obriga todas a dar satisfação de seus dias desse jeito?


E ai leitores? O que acharam dessa premissa? Mesmo sendo só um pouco do que senti com as primeiras 100 páginas já digo com toda a certeza que recomendo a leitura dessa trilogia. 

Vou ficando por aqui... Xero no coração de todos!! 


Tag #26 - Perfil Literário

Olá leitores, tudo bem?
Aproveito para desejar a todos um bom domingo e uma semana maravilhosa!!


Essa tag eu achei no blog Disco di Vinil do Arthur Dias e achei super legal. Eu fiz uma tag semelhante a essa um tempo atrás, e como sempre devemos atualizar achei legal trazer essa daqui, as coisas podem ter mudado, então é sempre bom atualizar, certo? Quem quiser pode visitar o blog do Arthur, tem umas coisas bem legais por lá. Vamos as perguntinhas??

1-Qual seu estilo de livro favorito?

Meu estilo de livro favorito é distopia. Adoro esse tema, não sei o que acontece comigo eu surto todas as vezes que leio algo do gênero.

2-Qual sua saga/trilogia favorita?

Bom assim fica muito difícil responder porque não tenho apenas uma preferida, então vou falar a que veio na minha mente a qual já terminei a leitura. A maldição dos Tigres amei demais essa série... foi uma deliciosa descoberta indicada por minha melhor amiga que já me conhece o suficiente para dizer que eu iria gostar e amei!

3-Qual o livro você demorou mais para ler?

Eu demorei muito para ler um  livro distópico nacional Terra Metálica, mas demorei porque eu li em um período que estava passando por uns probleminhas e também porque o livro tinha umas 600 páginas foi o primeiro livro que li tão grosso.

4-Qual livro você está lendo?

Comecei a ler o livro Despedaçada o terceiro de uma trilogia cedido pela editora parceira Farol Literário!

5-Quantos livros você tem na estante do skoob?

Atualmente tenho 203 livros. (Isso é lindo)

6-Qual o livro mais antigo na sua estante?

O mais antigo é o O Senhor da Chuva foi meu primeiro livro nacional que comprei com meu primeiro salário daqui de São Paulo, lembro-me que senti muito orgulho de mim. Nessa época minha filha era pequena e não me sobrava muito dinheiro, então quando sobrou foi a primeira coisa que fiz.

7-Qual o próximo livro que você pretende comprar?

Aff difícil essas perguntas ein, mas recentemente li uma resenha em um blog e fiquei com uma imensa vontade de comprar e ler O Maravilhoso Agora esse livro será o próximo que irei comprar, porque a resenha feita pelo meu querido amigo Adriano foi mais que perfeita.

8-Qual o livro que fez você mudar o sentido de ver o mundo?

Bom não me fez mudar o sentido de ver o mundo, mas que me fez refletir algumas prioridades e dar mais valor as coisas que tenho foi Métrica.

9-Qual livro, se você pudesse, proibiria a leitura dele?

Nenhum livro eu proibiria. Acho que todos os livros são válidos para a leitura e de acordo com a afinidade de cada leitor.

10-Qual livro você levaria para uma ilha deserta?

Bom nesse momento o livro que eu levaria para uma ilha deserta seria Sombras de Primavera - A Maldição dos Magos... Quero começar tão logo a leitura dele e indo para uma ilha deserta sei que começaria logo.

Bom por enquanto é isso pessoal, espero que tenham gostado e se quiserem responder algumas dessas perguntas nos comentários fiquem a vontade, deixo a tag aberta para você amigo (a) blogueiro (a) que queira responder e se o fizer depois deixe o link para que eu possa conferir a sua resposta.

Xero no coração de todos!!!



Curiosidades do mundo dos leitores!!!!

Hello amigos e amigas!!!
Espero que esteja tudo bem com vocês.

Comigo as coisas estão melhorando e eu estou começando a me adaptar nos meus novos horários, por isso peço desculpas pela quantidade de postagens que tem saído no blog. Jamais abandonarei algo que tanto amo, mas existem algumas circunstância em nossas vidas que precisamos colocar algo de lado para suprir outros lados extremos, mas lutei e luto para permanecer por aqui ativamente. A minha leitura também caiu um pouco e por causa de tempo, quase não tenho tempo para ler... então ando separando uma hora e meia dos meus sábados e domingos para leitura.

Agora vamos falar de curiosidades?? São estimativas que procurei por ai e encontrei e quis trazer para conhecimento de vocês ou para quem já viu relembrar. Uma coisa eu falo. Leio tanto e amo a leitura que fico chocada com alguns pontos onde o nosso país está.


*Países com mais leitores:

Segundo o Índice de Cultura Mundial publicado pela Market Research World, os cinco países onde as pessoas mais leem por hora durante a semana são: Índia (10h42), Tailândia (9h24), China (8h), Filipinas (7h36) e Egito (7h30).

Infelizmente, o Brasil está entre os cinco países em que as pessoas menos leem: México (5h30 por semana), Reino Unido (5h18), Brasil (5h12), Taiwan (5h) e Japão (4h06).

*Livros mais vendidos:

Embora não exista concordância sobre os números exatos do mercado de livros ao longo dos séculos, para se chegar a esta lista foram consultadas diversas reportagens, entidades editoriais, empresas de pesquisas de mercado e publicações especializadas em livros, como Global Times, Telegraph, New York Times, Financial Times, entidades editoriais como a International Publishers Association (IPA), International Booksellers Federation (IBF) e International Federation of Library Associations and Institutions (IFLA); e as empresas de auditagem e pesquisas de mercado Nielsen e a GfK).

1 — Dom Quixote* (Miguel de Cervantes) – 500 a 600 milhões de cópias vendidas.


Publicado em Madrid em 1605, Dom Quixote, de Miguel de Cervantes, é composto de 126 capítulos, divididos em duas partes. O livro narra a história de Dom Quixote de La Mancha, um cavaleiro errante que perdeu a razão e, junto de seu fiel escudeiro Sancho Pança, vive lutas imaginárias.

2 — O conde de Monte Cristo* (Alexandre Dumas) – 200 a 250 milhões de cópias vendidas.


Publicado em 1844, O Conde de Monte Cristo é, juntamente com Os Três Mosqueteiros, a obra mais conhecida de Alexandre Dumas e uma das mais celebradas da literatura universal. O livro narra a história de um marinheiro que foi preso injustamente. Quando escapa da prisão, e toma posse de uma misteriosa fortuna e arma uma plano para vingar-se daqueles que o prenderam.

3 — Um conto de duas cidades* (Charles Dickens) – 180 e 250 milhões de cópias vendidas.


Publicado em 1859, Um conto de duas cidades, de Charles Dickens, é um romance histórico que trata de temas como culpa, vergonha e retribuição. O livro cobre o período entre 1775 e 1793, da independência americana até a Revolução Francesa. Dickens evita o posicionamento político, centrando a narrativa nas observações de cunho social.

4 — O pequeno príncipe* (Antoine de Saint-Exupéry) – 150 e 180 milhões de cópias vendidas.



Publicado em 1943, O pequeno príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, é uma das obras mais traduzidas da história. Por meio de uma narrativa poética, o livro busca apresentar uma visão diferente de mundo, levando o leitor a mergulhar no próprio inconsciente.

5 — O senhor dos anéis* (J.R.R. Tolkien) – 150 e 170 milhões de cópias vendidas.



Publicado em três volumes entre 1954 e 1955, O senhor dos anéis, de J.R.R. Tolkien, é um romance de fantasia que ocorre em um tempo e espaço imaginários. A história narra o conflito entre raças para evitar que um anel poderoso volte às mãos de seu criador, o senhor do escuro.

6 — Harry Potter e a pedra filosofal* (J.K. Rowling) – 110 e 130 milhões de cópias vendidas.



Publicado em 1997, Harry Potter e a pedra filosofal é o primeiro volume da série Harry Potter, da britânica J. K. Rowling. O livro narra a história de um garoto órfão que vive infeliz com seus tios. Até que, repentinamente, ele recebe uma carta contendo um convite para ingressar em uma famosa escola especializada em formar jovens bruxos.

7 — O caso dos dez negrinhos* (Agatha Christie) – 90 e 120 milhões de cópias vendidas.



Publicado em 1939, O caso dos dez negrinhos, de Agatha Christie, é o maior clássico moderno das histórias de mistério. Dez pessoas diferentes recebem um mesmo convite para passar um fim de semana numa ilha. Na primeira noite, após o jantar, elas ouvem uma voz acusando cada uma de um crime oculto cometido no passado. Mortes inexplicáveis se sucedem.

8 — O sonho da câmara vermelha (Cao Xueqin) – 80 e 100 milhões de cópias vendidas.



Publicado em meados do século 18, O sonho da câmara vermelha, de Cao Xueqin, é uma das obras-primas da literatura chinesa. O livro faz um relato detalhado da aristocracia chinesa da época. Acredita-se que o conteúdo da história seja autobiográfico descrevendo o destino da própria família do escritor.

9 — O leão, a feiticeira e o guarda-roupa* (C.S. Lewis) – 75 e 90 milhões de cópias vendidas.



Publicado em 1950, O leão, a feiticeira e o guarda-roupa é um romance infantil do escritor britânico C.S. Lewis. O livro narra a história de quatro irmãos que vivem na Inglaterra durante a 2ª Guerra Mundial. Em uma de suas brincadeiras descobrem um guarda-roupa que leva quem o atravessa ao mundo mágico habitado por seres estranhos, como centauros e gigantes.

10 — Ela, a feiticeira (Henry Rider Haggard) – 70 e 80 milhões de cópias vendidas.



Publicado em 1887, Ela, a feiticeira é um livro de aventura e fantasia do escritor britânico Henry Rider Haggard. O livro narra as aventuras de dois amigos numa região inexplorada da África, onde encontram uma civilização perdida, na qual reina uma misteriosa feiticeira chamada Ela.

*Você sabia? 

1-A Bíblia Sagrada é o livro mais vendido do mundo. Calcula-se que os números de exemplares já ultrapassaram os 6 bilhões. Em segundo lugar está o Guinness World Book of Records.

2-Agatha Christie é a autora mais traduzida em todo o mundo, com 6.598 traduções de seus contos, romances e peças teatrais.

3-Paulo Coelho é o escritor brasileiro que mais vendeu livros. Os números de exemplares ultrapassam 70 milhões.

4-A escritora inglesa J.K. Rowling escreveu todos os livros da saga Harry Potter à mão. 

Fontes: 
Imagens retiradas do Google.

Bom leitores por hoje é só... se gostaram da postagem deixem seus comentários, ficarei feliz em lê-los. Obrigada a todos pela companhia... Xero no coração!


Resenha #90 - Gelo - Kathryn James

Esse livro foi cedido pela editora para leitura e resenha.

Título: Gelo 
Autora: Kathryn James
Editora: Farol Literário
Páginas: 376
Minha Nota:

Sinopse:
A névoa esconde alguma coisa bela como a luz das estrelas, feroz como um lobo, fria como o gelo. A floresta além da névoa é a casa dos Elfos e do belo e enigmático Evan. Nell se deixou seduzir por ele, mas o mundo dos Elfos está sendo devastado por terremotos, e somente Nell pode ajudar a salvá- lo. Para isso ela terá de ir muito além da floresta, onde um lago de gelo mortífero e um antigo inimigo a aguardam.

Gelo é a Sequência de Névoa, você pode conferir a resenha dele clicando  Aqui. Lembrando que essa resenha não tem spoiler.

Falar desse livro é uma felicidade pra mim, porque quando li Névoa eu gostei, achei Nell a protagonista corajosa para uma menina nova e super inteligente também, mas a história não tinha me tocado tão profundamente quanto eu achei que seria, tanto que por mais que eu estivesse ansiosa pela leitura de Gelo e também porque as capas dessa série são lindíssimas e que eu tenho um enorme toque por capas eu não fui com tanta sede ao pote. Ler Gelo não só me encantou, como me tocou e como fluiu a leitura de uma forma totalmente surpreendente pra mim. Espero que tenha causado isso nos demais leitores da obra. O livro é simples, mas tem fantasia, tem emoção, aventura e muito mais.

-Você? - Foi o que conseguiu dizer.
Ele abriu aquele sorriso travesso. Era quase exatamente como ela se lembrava... e ela se lembrava de tudo a respeito dele.
-É. Salvei você. De novo.

Gelo nos traz uma manobra congelante que Kathryn preparou aos leitores e confesso que no decorrer da leitura cheguei a tremer literalmente. Eu amo o frio, mas não aquele de congelar até as lágrimas que saem de nossos olhos e viram pedrinhas grudadas em nossos rostos ou no canto de nossos olhos. Inicialmente eu acho que o livro trataria de um assunto que ficou um pouco aberto no final de Névoa, mas a autora me enganou direitinho e me surpreendeu mais ainda porque contou mais a fundo um pouco da história dos Elfos e como o mundo deles foi criado. 

Nell tem uma amizade e ligação muito forte com Evan o Elfo da floresta mais fofo desse mundo e a qual eu gosto muito. Nesse livro podemos encontrar Nell mais madura mesmo com pouquíssimo tempo passado, porque o livro segue praticamente no ponto onde parou Névoa. Nell quer de qualquer jeito ajudar seu amigo Evan a libertar seus familiares da prisão de ferro e por esse motivo eles ficam algum tempo separados  e o que acontece nesse intervalo é que Nell descobre que o mundo deles está correndo perigo, está acontecendo muitos tremores com frequência e os poucos habitantes do mundo dos Elfos estão com medo e buscam ajuda dela.

Não olhe para ninguém nos olhos, encolha-se, abaixe os ombros. Era o que ela fazia na escola quando não queria que reparassem nela. Sempre dava certo, e funcionou ali também.

Alguns personagens novos aparecem para compor o enredo da história e a ambientação do livro se dá entre o mundo dos humanos e dos Elfos, onde Evan e Nell embarcam em uma viagem cheia de aventuras, perigos e muito frio. Eles vão para o lago do gelo. Nesse desafio a nossa corajosa Nell passa por aprovações e testa seus limites e medos. Eu fiquei maravilhada com toda construção de personagem que a autora deu para ela que se tornou uma de minhas personagens favoritas e tão jovem. Evan continua com seu jeito desconfiado e brincalhão, ele também é corajoso e sempre busca proteger Nell dos perigos que ela corre, mas ela não se deixa abater apesar do medo que sente em vários momentos.

-Você é um elfo da floresta. Não vale nada. - Levou a mão ao coração. - Nós somos os elfos de verdade. Mas você decidiu me enganar e ficar do lado de uma humana!
[...] Evan se moveu, e agora os dois estavam cara a cara, a centímetros de distância.

O que me fez gostar muito desse livro e torná-lo um dos meus favoritos deste ano foi o desenvolvimento da história, foi o crescimento de Nell, foi os personagens novos e secundários que fizeram toda a diferença para que a história ficasse muito emocionante. Eu senti calafrios em alguns momentos, senti uma emoção forte em meu coração, senti medo por eles, tão novinhos e tão cheios de coragem. Nell desafiou sua família para ajudar o mundo dos Elfos, ela passou por maus bocados para salvar sua irmã de um perigo em que ela corria, mesmo ela sendo chata e algumas vezes insuportável e novamente eu falo Nell por ser mais nova tem mais personalidade, genialidade e maturidade do que sua irmã mais velha que é mimada e sem juízo nenhum, fiquei irritada com ela várias vezes. Tivemos algumas revelações e acontecimentos importantes o final foi emocionante em minha opinião e o desfecho da história foi incrível. 



Gelo tem uma capa belíssima, com um mesclado em azul combinando, muitas borboletas, o nome da autora em metálico. A Farol está de parabéns na arte dessa capa. A diagramação está em perfeita ordem e não consegui identificar nenhum erro de revisão. Se teve com a euforia da leitura não consegui perceber. As folhas amareladas só deram total prazer em uma leitura cheia de emoção, sentimento e aventura. A narração do livro continua sendo em terceira pessoa o que foi bom ter uma amplitude de tudo o que estava acontecendo, mas estava focada nos acontecimentos ao redor de Nell e Evan.  Eu consegui viajar literalmente para o mundo dos elfos, consegui visualizar na minha mente o lago de gelo e seus perigos, consegui colocar a minha mente para trabalhar e fluir. Eu recomendo essa série para amantes de fantasia leve e descontraída. Ele tem uma pitada de romance super fofa, tem aventuras que causam calafrios e angústias, tem animação e momentos de descontração e ele pode ser lido em todas as idades e claro que minha filha já começou a leitura dele rs.

Bom queridos e queridas... finalizo por aqui... eu desejo uma semana maravilhosa a todos... e aguardo o comentários de vocês dizendo se gostaram da resenha, se já conheciam a série, se já leram,tudo bem?

Xero no coração de todos.!!!


Renovação de Parceria: Grupo União dos Autores

Olá leitores queridos, tudo bem com vocês???
Espero que sim, porque é com enorme alegria que venho lhes dizer que o blog renovou sua parceria com o a União dos Autores. 



O Grupo União dos Autores surgiu com a união de alguns autores nacionais com o intuito de divulgar a literatura nacional como um todo e particularmente de suas obras. Todos nós sabemos o quanto ainda é dificil um autor publicar seus livros nas editoras de nosso país. Claro que algumas editoras já estão mudando esse status e dando mais abertura para os autores brasileiros, mas ainda é difícil. Então no que eu posso ajudar para divulgar eu farei... Acho isso uma forma super interessante de crescimento para a nossa literatura.

Para conhecer o trabalho de grupo é só clicar AQUI

Xero no coração!!!

Renovação de Parceria: Farol Literário!!!

Olá leitores, tudo bem com vocês???

Hoje eu venho com uma imensa alegria porque o blog Minhas Escrituras teve a parceria renovada com a editora Farol Literário. Eu fiquei muito feliz, de verdade. Porque a Farol tem todo um carinho e cuidado com os blogueiros, eles são atenciosos e nos deixa totalmente a vontade com eles. Eu tive um ano muito feliz de parceria com eles e agora com a renovação fiquei super animada para continuar o trabalho de parceria com muito afinco. Significa que fiz um ótimo trabalho... e com o amor que eu sinto pelo blog o trabalho sempre será feito com carinho.


Eu gostava do outro selo, mas confesso que esse tá bem mais legal rsrsrs.

A Farol Literário traz publicações para jovens leitores e adultos jovens. Com títulos de autores brasileiros e estrangeiros. A Farol apresenta séries de literatura fantástica que são sucesso no mundo todo, chick lit para menina nenhuma conseguir deixar de lado, clássicos revisitados, ficção científica movida a muita ação e HQs com ilustrações incríveis.
Tudo selecionado a dedo por quem entende de literatura para um publico exigente e que sabe muito bem o que gosta de ler.

Embarque nessa viagem com a gente!!!!!

Farol. Leitura. Sempre uma aventura!!!

Conheçam alguns lançamentos da editora:


Sinopse:
Samantha é uma jovem de 17 anos rica e popular que, depois de passar quatro dias desaparecida, retorna ferida e desmemoriada. A nova Samantha não se reconhece no retrato de menina má e mimada que todos à sua volta começam a pintar. E logo descobrirá que foi a últi ma a ver Cassie, a garota com quem mantinha uma relação confusa de amizade e rivalidade e que desapareceu no mesmo dia que ela. O que aconteceu na noite fatídica em que as duas sumiram? E por que Samantha foi a única a reaparecer? Não olhe para trás é um daqueles suspenses que só paramos de ler para tentar nos antecipar à autora e descobrir qual é o mistério.


Livro em sorteio no blog, para participar clique AQUI

Sinopse:
Narrativas de suspense são histórias que há séculos fascinam e capturam a imaginação dos leitores, do início até o desfecho. Selecionamos os melhores contos dos mestres do suspense Edgar Allan Poe, H. P. Lovecraft, Phil Robinson, Ambrose Bierce e H. G. Wells.


Sinopse:
Depois de três anos morando no Texas, Giovanna Petrizzi, dezesseis anos, ainda é considerada novata em comparação a qualquer um da escola. Ter “roubado” sapos mortos do laboratório de biologia e estar fazendo serviços comunitários também não a torna a garota mais popular. E ela ainda se pergunta por que a madrasta torna sua vida tão complicada e para Dante,seu irmão gêmeo, tudo é muito mais simples. Mas nada disso tem importância quando Dante quer bater de frente com Wilson, o filho do prefeito, na corrida pela presidência do grêmio da escola. Giovanna resolve que fará de tudo para ajudá-lo nesse embate contra os conhecidos “mauricinhos”. O mínimo que ela poderia esperar do próprio namorado, Jesse, era o apoio à sua causa. Porém o garoto resolve virar gerente da campanha de Wilson, o que deixa Giovanna em uma montanha-russa emocional, em dúvida entre o irmão e o namorado. E, antes que perceba ela transforma o garoto dos seus sonhos em um ex-namorado que sonha reconquistar.

A Farol conta com vários títulos a venda nas melhores livrarias e para conhecer mais as obras lançadas, vocês podem acessar as redes sociais, o site e o blog, lá vocês encontrarão de tudo um pouco, não fique fora dessa!!!!

Pronto, agora é só clicar nos links abaixo e viajar pelo mundo da Farol:






Xero no coração de Todos!!!!