Resenha #26 - Cidade de Vidro - Cassandra Clare

Título: Cidade de Vidro (Os Instrumentos Mortais)
Autora: Cassandra Clare
Editora: Galera Record
Páginas: 474


OBS: Cuidado, pois essa resenha pode conter spoilers para quem ainda não leu os dois primeiros volumes.

Sinopse:

Clary está à procura de uma poção para salvar a vida de sua mãe. Para isso, ela deve viajar até a Cidade de Vidro, lar ancestral dos caçadores de sombras, criando um portal sozinha. Só mais uma prova de que seus poderes estão mais sofisticados  a cada dia. Para Clary o perigo que isso representa  é tão ou menos assustador quanto o fato de que Jace não a quer por perto. Mas nem o fora de Jace nem estar quebrando as regras irão afastá-la de seu objetivo: encontrar Ragnor Fell, o feiticeiro que pode ajudá-la a curar a mãe.

Em primeiro lugar gostaria de dizer que a Cassandra conquistou mais pontinhos em meu coração de autoras preferidas, a escrita dela é maravilhosa, envolvente, sufocante, intrigante e me fez sentir várias sensações ao mesmo tempo.

"Agora passo o tempo todo pensando em como posso voltar ao que era antes, depois de uma coisa dessas. Se podemos ser amigos outra vez ou se o que tínhamos se quebrou. Não por causa dela, mas por minha causa."

O livro dá sequência aos últimos acontecimentos os Lightwoods são convocados para ir à cidade de Alicante capital de Idris inclusive Jace, eles precisam saber dos últimos acontecimentos e se prepararem para uma possível guerra, pois agora todos sabem que o último artefato está na cidade, mas ainda não sabem onde encontrá-la. Nesse meio termo Clary quer ir junto, pois é lá que ela encontrará o feiticeiro que pode salvar a sua mãe, mas Jace não quer deixá-la ir e faz de tudo para que isso aconteça inclusive mentir sobre o horário em que todos partirão e quando ela chega até lá todos já tinha ido inclusive Simon que estava ferido devido ao ataque demoníaco que teve lá. Mas Clary não se deu por satisfeita e com seus poderes de conhecer símbolos novos conseguiu abrir um portal e para protegê-la Luke foi junto.

"As pessoas não nascem boas ou ruins. Talvez nasçam com tendências a um caminho ou outro, mas  a maneira como se vive que importa."

A trama desse livro após isso discorre inteiramente em Alicante e em Idris onde outros personagens novos aparecem, como por exemplo Sebastian! Ele é misterioso e parece muito interessado por Clary assim que a conhece. Clary ansiosa pela sua busca pelo feiticeiro consegue um ótimo aliado para ajudá-la nisso Sebastian se oferece prontamente.

Senti Jace mais sentimental nesse livro talvez porque por mais que tente não consegue ficar longe de Clary seu amor e sua vida, mas algo impede que eles fiquem juntos são irmãos e isso os matam por dentro. As vezes fico emocionada com algumas coisas que ele fala nesse livro e sua preocupação gritante em protegê-la. Só que seu jeito arrogante e irônico ainda prevalecem e consigo tirar ainda boas risadas. 

Clary descobre mais coisas do que ela é capaz de fazer e isso a deixa assustada, mas também a deixa corajosa e apesar de ser muito nova ainda carrega um peso imenso nas costas. O ódio pelo seu pai é muito evidente e a vontade de se ver livre dele também. Com seus poderes de fazer símbolos novo ela cria uma nova aliança, mas para saber qual é  só lendo o livro mesmo.

"Eu amo você, e vou amar até morrer, e se houver vida depois disso, vou amar também"

Eu adoro essa frase sinto um frio na barriga imenso, é tão absoluto e intenso que faz com que possamos sentir queimando em nossa pele. Se deixar passo o resto da noite falando sobre esse livro que em minha visão foi o melhor. Acredito que pelo fato de Cassandra tê-lo escrito para ser o final de uma trilogia muitas coisas foram reveladas, algumas coisas surpreendentes aconteceram e nossa fico ate sem fôlego só de imaginar as imagens na minha mente com cada frase que li, mas devido ao sucesso da saga ela resolveu fazer um quarto e quinto livro, vamos ver o que nos reserva, pois já estou lendo Cidades dos anjos caídos e agora começou as ações de tirar o fôlego (risos)

Gostei como sempre da capa e da diagramação do livro, pois por mais que a gente abra e fecha esse livro ele continua perfeito como se tivesse chegado ontem e a capa é forte e brilhante como o resto de suas obras. Simplesmente amei ler esse livro, fechei e abri tantas vezes que achei que fosse surtar, tantas coisas foram acontecendo e foram reveladas que senti um nó crescendo em minha garganta e uma vontade imensa de ir até lá e dá uns tapas em uma certa pessoa (risos). Olha o que eu posso dizer é que a Cassandra conseguiu se superar nesse terceiro volume e eu gostaria sinceramente de saber o que passava na cabeça dela quando escrevia esse livro tão maravilhoso.

"Ela dormia com o cabelo espalhado pelo travesseiro e a bochecha apoiada na mão. Naquele instante ele achou que jamais havia visto nada tão pacífico, mas é claro que ela só estava dormindo, como qualquer outra pessoa dormiria. Não tinha sido a paz dela que o surpreendera, mas a dele próprio. A paz que sentia ao estar com ela era diferente de tudo que já houvesse conhecido."

O que posso falar a não ser que super recomendo a leitura dessa continuação, que você que ainda não começou a saga que comece e que você que leu os dois primeiros volumes não exite em ler esse terceiro volume, pois você vai se surpreender, se emocionar, se sentir tenso em apenas nas primeiras páginas.

Logo logo a resenha de Cidade dos Anjos Caídos.

Xero!!!



12 comentários

  1. Confesso que não li a resenha por causa do aviso de spoilers, mas estou louco para começar minha série instrumentos mortais, beijos !!!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh Gabriel assim que der não perca essa oportunidade você vai adorar... Xero!!

      Excluir
  2. Oiee..
    Eu ainda não li os outros.
    Mas já ouvi falar bem, enfim, vou ler primeiro..e seguir sua dica no começo da resenha.

    Beijos
    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhhh assim que der comece Lê... vc vai amar....Xero!

      Excluir
  3. Oi.
    Visitando seu blog ^^
    Obrigada pela visita flor!
    Acredita que eu ainda não li rsrs
    Sei lá gosto de deixar as séries por último pois assim posso ficar meio aliviada rsrs,as vezes também tem um fim nada esperado e fico morrendo de raiva rsrs.
    ótima resenha.
    bjus
    Tamires C.
    http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah muito obrigada Tamires... Acredito sim... cada um tem a sua mania para a leitura rsrs Xero!

      Excluir
  4. MELHOR livro da série até agora, mas eu acho que Cidade das almas perdidas vai ser meu favorito haha

    beijos!
    http://meuvicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anna... cidade de vidro é realmente o melhor mesmo... terminei de ler cidade dos anjos caído e foi mega maravilhoso, mas cidade de vidro conquistou meu coração... Xero!

      Excluir
  5. Resenha do meu xodozinho claro que eu deveria comentar né?
    *-*

    Instrumentos mortais é VIDA
    sou apaixonadissima
    *--*

    Beiijoss
    http://psicosedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Aiii eu estou com os livros aqui em casa mas ainda não achei tempo pra ler a série...

    Mas quero ler antes de ver o filme!!

    Bjooos
    colecionando Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então começa pelo menos o primeiro porque agosto logo logo chega rsrsrs

      Excluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!