Resenha #15 - Pandemônio - Lauren Oliver


Titulo: Pandemônio
Autora: Lauren Oliver
Editora: Intrínseca
Páginas: 304

Como é a sequência de Delírio, essa resenha pode conter spoilers.

O que posso dizer para começar é que a leitura de Pandemônio me deixou extasiada e completamente fascinada por toda essa distopia. Comecei a ler com muita ansiedade, mas no decorrer da leitura procurei manter a calma porque Lauren tem um jeito próprio de escrever que me deixa fascinada e ao mesmo tempo angustiada pelas coisas que acontecem no decorrer de toda a história.

O livro começa na sequência de Delírio onde Lena se encontra na selva alguns dias perdida, se sentindo impotente e principalmente sentindo a falta de: Alex! Porém Lauren conta a história de uma maneira não linear e sim dividida em duas partes:


 

Antes é contada como foi a chegada de Lena na selva, como foi a sua adaptação, como foi as suas descobertas e vivências com os outros moradores assim que ela deixou Portland e toda a sua vida segura e tranquila. O agora é sobre a nova Lena uma menina firme e controlada, educada e cheia de experiência de vida que mora em Nova York, que trabalha na ASD. Confesso que essa nova Lena me assustou um pouco e apesar de continuar internamente com a sua essência, essa nova Lena é fria e calculista, o que me faz lembrar que pessoas sofridas e com grandes perdas se tornam assim, por exigência do mundo em que vive.

Ah achei perfeito todos os detalhes que li da adaptação de Lena na selva onde ela conheceu Graúna uma menina que não era muito mais velha que ela, mas que já tinha vivido o suficiente para que ela considerasse uma mãe. As vezes ela não gostava das atitudes de Graúna devido a sua frieza e as vezes aspereza. Quando a Graúna a encontrou ela estava aos farelos, com o coração partido e sangrando. Perder Alex da maneira que perdeu fez com que ela sentisse uma dor insuportável.


Eu adorei os laços que foram criados durante a vivência de Lena na selva com os outros moradores, uma vida nada fácil,  uma vida cheia de correria e algumas perdas, mas uma vida feliz, sem o medo de viver sem nenhum sentimento como se fosse um robô funcionando sobre um controle remoto. Lena em sua "nova vida" em Nova York se mostrou corajosa e intensa em seus sentimentos e seus terríveis fantasmas entre o real e seu imaginário com relação a Alex, sobre a sua luta contra  a ASD e seus poderosos, com a sua luta contra a intervenção para "curar" aqueles do deliria. Eu me apaixonei pela leitura, por cada frase que li, por cada descoberta e tomadas de decisões... Ai vem a pergunta, Lena conhece alguém que possa fazer seu coração balançar? Será que ela irá manisfestar o amor em outra pessoa? O que será que aconteceu com a sua luta e os outros moradores da Selva? E a mãe de Lena? Onde ela deve estar? Perguntas e mais perguntas que somente lendo para descobrir e se deleitar...


A diagramação do livro está ótima e essa capa metalizada com minha cor favorita está mais que perfeita. Não encontrei erros de revisão. E editora está de parabéns com esse excelente trabalho.

Para finalizar eu só posso dizer que em todo o contexto do livro que foi dividido entre o antes e o agora, com todas as aventuras e testes de confiança em que Lena atravessou, realmente o nome do livro tem que ser mesmo Pandemônio. Lauren conseguiu deixar sua marca de uma excelente escrita, riqueza de detalhes e fatos totalmente impressionantes que me deixaram com o coração sobressaltado e em choque. Quero mais, muito mais....

Xerim em todos!!!!

6 comentários

  1. AMEEEI A RESENHA,DIH!! Eu adorei Pandemônio, a sequencia conseguiu superar Delírio completamente. É verdade: essa Lnea está super fria e mudada,mas até que gostei,a autora souber fazer uma evolução com a personagem,e ficou ótima!!
    Estou louco esperando o ultimo livro,Requiem,será épico.
    O blog tá lindo,como sempre!! <3
    www.oclubedameianoite.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ahhhhhh Obrigadaaaa Manoelll

    Eu amei ler Pandemônio.... faz muito tempo que um segundo livro em minha opinião consegue superar o primeiro...

    Xerooooo

    ResponderExcluir
  3. Eu acho a capa desse livro muito linda... no final de semana fiquei tentada em comprar pra ler... mas eu tenho tantos livros pra ler, que preciso me controlar adorei a resenha e fiquei com muita vontade de ler o livro...
    Te indiquei um selinho lá no blog, depois dá uma passadinha pra pegar...
    Beijos
    http://coracaodetinta.blogspot.com.br/2013/05/selinho-best-blog.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patty é linda mesmo.. rsrsrsrs
      Eu também preciso muito me controlar Patty, ando que nem uma louca viciada só comprando rsrsrsrsrs.

      Vou dar uma olhada Xero!

      Excluir
  4. Me deu uma vontade imensa de ler o livro , sua resenha ficou muito boa , e agora fiquei na vontade , achei a capa do livro sensacional ....

    Beijinhos

    http://simplesmenteanass.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, pois leia os dois você vai adorar... Lauren tem um jeito perfeito deescrever.....

      Xero!!!

      Excluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!